A cena é comovente. Todos os dias, Jubileu, um Husky, imponente, de olhos azuis, fica postado na janela de um sobrado vermelho na Rua General Bittencourt, no centro de Florianópolis, à espera de seu dono, Diego Dal Bosco Bisotto, que foi assassinado no sábado (22), após uma discussão de Carnaval.

Diego estava com amigos em frente ao estacionamento em que trabalhava quando outras cinco pessoas passaram. Houve um mal-entendido e, após um bate-boca, ele recebeu um tiro na cabeça. Chegou a ser hospitalizado, mas não resistiu.

Jubileu espera pelo dono que foi assassinado | Foto Reprodução/NSC TV

O local do crime é praticamente em frente ao sobrado onde Jubileu aguarda, ansioso, a volta do seu dono. Os dois até “conversavam” diariamente, dizem os amigos.

A Polícia Civil investiga o crime, enquanto os amigos buscam uma solução para a nova guarda de Jubileu, agora sem Diego.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp