Um segundo corpo foi encontrado na manhã desta terça-feira (8) em meio aos escombros do edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paiçandu, no Centro, em São Paulo, que desabou após um incêndio no dia 1º de maio. O Corpo de Bombeiros da Polícia Militar de SP informou que a vítima é aparentemente uma criança com sinais de carbonização. O capitão Marcos Palumbo disse a jornalistas no local do desabamento que o corpo foi encontrado às 6h30 durante uma escavação manual e que as buscas serão intensificadas. Ele detalhou ainda que a vítima foi encontrada em uma área diferente da que foram localizados os restos mortais de Ricardo Pinheiro, que estava sendo resgatado no momento em que o imóvel caiu. Entre os desaparecidos estavam dois irmãos gêmeos e a mãe deles. Os bombeiros têm esperanças de localizar outras vítimas próximas ao local do corpo encontrado nesta manhã, diante da suposição de que a família estava reunida no momento em que o edifício ruiu. Os bombeiros abandonaram as máquinas pesadas e fazem as escavações com cuidado, às vezes usando as próprias mãos. Eles contam com a ajuda de cães farejadores, que auxiliam na localização de vítimas soterradas. Agência Estado