Uma babá de 25 anos pulou do terceiro andar de um prédio para escapar de agressões cometidas pela patroa, em Salvador (BA). Conforme as informações divulgadas pela Polícia Militar, a jovem foi trancada em um banheiro e era mantida em cárcere privado pela patroa.

Ainda de acordo com a PM, a mulher está internada no Hospital Geral do Estado (HGE), com suspeita de fratura nas pernas e prestou depoimento à polícia na quinta-feira (26) para dar mais detalhes do ocorrido.

A jovem morava na cidade de Itanagra, no litoral norte baiano, a cerca de 150 quilômetros de Salvador. Ela encontrou uma vaga de emprego em um site, combinou os detalhes da contratação com a patroa por telefone e mudou-se para a capital.

A babá começou a trabalhar na quinta-feira (19) e já no sábado (21) comunicou à patroa que não poderia continuar e iria buscar outro emprego. A partir de então, a patroa iniciou as agressões e a trancou em um banheiro, conforme relatou à polícia.

No desespero, a jovem decidiu se jogar da janela do prédio. Ainda não há informações se a patroa foi presa ou ouvida. A polícia informou que mais detalhes não serão divulgados para não prejudicar as investigações.