O empresário Luiz Carlos Likes, 55 anos, não resistiu aos ferimentos de tiro e morreu no fim da manhã desta segunda-feira (4), em São Francisco do Sul, no Norte catarinense. O latrocínio, que assustou e comoveu a comunidade local, ocorreu na rua Joinville, no bairro Rocio Grande. Leia mais: Proprietário de mercado é baleado em assalto em São Francisco do Sul Proprietário do Mercado Carlão, Luiz Carlos foi atingido por tiros no rosto e nas costas ao tentar defender a esposa que saiu do estabelecimento e foi abordada pelo assaltante armado. Carlão, como é conhecido, estava dentro do carro e viu toda a ação e enfrentou o autor que disparou três vezes. O ladrão fugiu levando o malote com o dinheiro das vendas do fim de semana e entrou em um carro preto que estava com alguém na direção lhe esperando. A PM realizou rondas, mas nenhum suspeito foi encontrado até o início da tarde.
Crime ocorreu na rua Joinville, no bairro Rocio Grande | Foto Divulgação
Carlão chegou a ser encaminhado ao Hospital e Maternidade Municipal Nossa Senhora da Graça, junto com a esposa, mas morreu logo após dar entrada na unidade. Amigos e familiares lamentaram nas redes sociais a morte de Carlão. “Meu coração está em prantos hoje. Meu padrinho está ao lado de Deus. Quero lembrar de você sempre sorrindo. Não me conformo. Pessoa maravilhosa, que não fazia mal a ninguém. Pelo contrário, ele ajudava. [Morreu] de um jeito trágico. Por maldade”, escreveu Franci Santos. 
Carlão morreu logo após dar entrada no hospital | Foto Reprodução

“Um homem de bom coração. Uma certa vez, numa fase ruim de minha vida, entrei em seu mercado e pedi leite mucilon e fralda para meus filhos, pois estava num momento difícil e eu o pagaria depois. Ele teve o gesto humilde de me dar de coração. Muito triste o que aconteceu”, disse Suelem Zuzarte. 

O velório será na Capela Mortuária de São Francisco, a partir das 21h30 desta segunda-feira (4). O enterro será em Guarapuava (PR), segundo informação divulgada pela cunhada de Luiz Carlos.