Assassino de esposa e filho de 3 meses é condenado a mais de 60 anos de prisão em Blumenau

Foto: Divulgação

Por: Luan Tamanini

23/11/2023 - 09:11 - Atualizada em: 23/11/2023 - 09:17

Kelber Henrique Pereira foi condenado nessa quarta-feira (22) a 62 anos, dois meses e 20 dias de prisão pelo assassinato da esposa Jéssica Mayara Ballock, de 23 anos, e do filho mais novo do casal, Theo Pereira, de apenas 3 meses. O crime, que chocou a cidade de Blumenau, aconteceu em julho de 2022.

O julgamento foi realizado no Fórum de Blumenau e reuniu familiares das vítimas, que clamavam por Justiça.

Kelber recebeu uma pena de 24 anos, 10 e 20 dias de prisão pela morte da esposa. Já pela morte da criança, a pena foi de 35 anos, 6 meses e 20 dias. Ele também foi condenado a um ano, nove meses e 10 dias de prisão por apropriação indébita, já que usou o carro da empresa para qual trabalhava para fugir da cidade logo após o crime.

Crime brutal

O crime foi registrado no dia 24 de julho de 2022 no bairro Velha Central, em Blumenau. Na ocasião, o homem teria asfixiado e esfaqueado a esposa no pescoço. Na sequência, assassinou o filho mais novo do casal, Theo Pereira, de apenas 3 meses, também a facadas.

Jéssica foi assassinada em julho de 2022 em Blumenau. Foto: Facebook/Reprodução

Depois dos dois assassinatos, o homem pegou o outro filho do casal, então com 1 ano e 10 meses, e fugiu para São Paulo. Para isso, usou o carro da empresa para qual trabalhava.

Os corpos de Jéssica e Theo foram encontrados no dia seguinte ao crime, dentro do apartamento onde a família morava.

A Polícia Civil iniciou os trabalhos investigativos e as buscas por Kelber e pelo filho mais velho do casal, que passou a ser considerado desaparecido.

A criança foi encontrada no dia 26 de julho, na casa dos avós paternos, em Minas Gerais. Já Kelber foi achado e preso no mesmo dia no interior de São Paulo. Durante depoimento, ele disse não saber porque cometeu os assassinatos.