Um roubo a veículo, registrado no bairro Divineia, em Araranguá, na tarde deste domingo, terminou em perseguição, tiros, na prisão de um dos assaltantes e na apreensão do carro e da arma usada no crime.

A vítima, proprietária de um Onix, foi rendida por dois assaltantes, um deles em posse de arma de fogo, que chegaram em uma motocicleta.

Após roubarem o veículo, um deles fugiu sentido BR-101.

Após mobilização policial, criminoso foi abordado em posse do veículo tomado de assalto/Fotos: Portal Agora Sul

Uma guarnição então se deslocou à rodovia federal e encontrou o carro roubado passando a ponte da Barranca.

Iniciado o acompanhamento, o criminoso não obedecia a ordem de parada, atingindo a velocidade de 180km/h.

Chegando na entrada de Maracajá, outra guarnição havia segurado o trânsito para realizar a abordagem.

Assim que se aproximou dos policiais, o assaltante jogou o carro para cima de um dos militares, tentando atropela-lo.

Segundo a PM, disparos de fogos tiveram que ser efetuados e, mesmo assim, ele não parou.

Em certo momento, o criminoso ainda apontou uma pistola em direção aos policiais.

A PM efetuou outro disparo que atingiu a traseira do carro.

Posteriormente, as guarnições conseguiram realizar a abordagem do veículo em frente a empresa Angelgres (somente referência), na região da Quarta Linha, em Criciúma, sendo então localizada a pistola, com 16 munições intactas.

Pistola, com 16 munições intactas, usada para render a vítima, foi apreendida/Foto: Divulgação PM

O abordado, identificado como Daniel Faraco Candinho, de 19 anos, de Criciúma, recebeu voz de prisão e foi encaminhado à delegacia.

O comparsa dele não foi encontrado.

O Serviço Aeropolicial (Saer) também deu apoio na ocorrência.