Após inúmeras denúncias sobre prática de crime ambiental, um morador que capturava pássaros silvestres e realizava o comércio destes animais foi detido pela Polícia Militar nesta quinta-feira (23), em Garuva, no Norte de SC.
Pássaros estavam em gaiolas superlotadas | Foto Polícia Militar
Em conjunto com a secretaria de meio ambiente de Garuva, a Polícia Militar realizou a apreensão de 34 pássaros que estavam em gaiolas superlotadas, sem condições de higiene e com alimentação inadequada. Um dos animais foi encontrado morto no fundo de uma das gaiolas. A bióloga Ana Paula Kruger, realizou avaliação nos pássaros e orientou a soltura imediata ao constatar que tinham sido capturados a pouco tempo. Segundo a PM, a bióloga irá produzir um laudo que será anexado ao processo criminal.
Polícia Militar realizou a apreensão de 34 pássaros | Foto Polícia Militar
Na residência do suspeito foram encontradas duas armas de fogo. O morador foi preso e conduzido até a Delegacia de Polícia da comarca de Garuva.