O vereador Vanderlei Faria, o Lela (PDT), foi surpreendido na noite desta quarta-feira (20) ao chegar no seu carro que estava estacionado centro de Florianópolis. Um aviso do porteiro de um prédio próximo alertou para um objeto que havia sido colocado na parte traseira do veículo por uma pessoa, por volta das 19 horas.

O parlamentar acionou a Polícia Militar que encaminhou o esquadrão anti-bomba para conferir o material. Após análise prévia, ficou constatado de que era um rastreador veicular.

Área foi isolada durante análise do artefato | Foto PMSC/Divulgação

Lela vem usando a tribuna da Câmara de Vereadores para criticar a atual administração municipal, principalmente sobre as irregularidades constatadas na administração do Almoxarifado Central do município, que fica localizado em São José e acabou lacrado por falta de licenciamento ambiental.

O vereador já havia recebido ameaças por telefone e, inclusive, registrou um Boletim de Ocorrência denunciando essas ligações, mas evita fazer conexão da sua atuação no Legislativo com o ato da noite passada. "Mas todos devemos tomar cuidados a partir de agora", alertou o parlamentar.

Na ação, foi acionado uma guarnição do COBRA/BOPE, que isolou a rua Visconde de Ouro Preto, que fica a poucos metros da sede do comando da PM, onde estava o carro. Após a vistoria, o trânsito voltou a ser liberado no local.

O material passará por perícia técnica e a polícia fará análise das imagens das câmeras de videomonitoramento das ruas próximas ao local onde estava o carro

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?