Após denúncias de tráfico e perseguição, PM apreende R$ 16 mil
Após denúncias de tráfico e perseguição, PM apreende R$ 16 mil

Na noite dessa sexta-feira, a Polícia Militar de Criciúma recebeu denúncias de que um veículo Captiva, de cor prata, estaria vindo de Florianópolis e faria entrega de cocaína em Forquilhinha. A provável rota seria pela Rodovia Governador Jorge Lacerda.

Diante das informações, uma guarnição intensificou rondas na localidade. Quando os policiais estavam passando próximo ao CTG Pedro Raimundo (apenas referência), cruzou com o veículo com as mesmas características da denúncia.

Ao se aproximar do automóvel, os militares utilizaram os sinais sonoros e luminosos da viatura para que o condutor parasse, momento em que este acelerou bruscamente, arrastando os pneus, e saiu em alta velocidade pela BR -101, sentido Norte.

A guarnição seguiu no encalço do automóvel, que continuava em alta velocidade e desobedecendo as ordens de parada, efetuando diversas ultrapassagens e manobras perigosas na via, colocando em risco os demais usuários da rodovia.

Em determinado momento, a PM percebeu que os ocupantes estavam dispensando sacolas durante a fuga.

Ao passar pelo viaduto do bairro Vila Nova, no município de Içara, o condutor perdeu o controle e colidiu contra uma calçada. Nesse momento, dois ocupantes desembarcaram, sendo que foi possível reconhecer o motorista, já conhecido das guarnições pelo envolvimento com o tráfico de drogas, conforme a PM.

Fotos: Divulgação PM

Ao entrar na área de mata, os policiais constataram que ele deixou cair a carteira de habilitação e o documento do veículo que conduzia.

"Ainda foi possível visualizar o referido indivíduo correndo com uma sacola plástica na mão. Com apoio das demais guarnições PM, foi montado um cerco no local e, após o emprego do cão de faro, logrou-se êxito em encontrar uma sacola plástica rasgada contendo a quantia de R$ 16 mil. Em busca veicular, os policiais ainda constataram que havia resquícios de cocaína, apenas pequenos farelos entre o console e a alavanca de marcha, não sendo possível coletar amostras", informou a corporação.

Encerrada as buscas no local, os envolvidos não foram localizados, sendo assim a PM deslocou até a Central de Plantão para entrega dos objetos e lavratura dos procedimentos cabíveis.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp