Criado com o objetivo de orientar as pessoas sobre o que acontece em uma audiência de conciliação e, assim, estimular a solução do conflito de forma consensual, o ConciliaApp é a nova ferramenta digital do Judiciário catarinense. O dispositivo inovador, que pode ser baixado por qualquer pessoa sem a necessidade de cadastro prévio nas plataformas Android e IOS, foi desenvolvido pela unidade do Juizado Especial Criminal e da Violência Doméstica da comarca de São José.

O lançamento está marcado para esta quinta-feira (29), às 14h, durante a Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa, no Fórum de São José.

Aplicativo foi criado na comarca de São José | Fotos Michael Gonçalves/TJSC

Além de prestar informações sobre a audiência pré-processual, o aplicativo fornece os contatos de toda a rede de apoio da comarca.

"Sabendo que a violência dos crimes de menor potencial ofensivo pode chegar a casos mais graves como o feminicídio, aproveitamos o aplicativo para incluir um teste em que a vítima de violência doméstica pode identificar se está em uma relação abusiva", relata a magistrada Lilian Telles de Sá Vieira, que é responsável pelo aplicativo.

Na ferramenta digital, as partes têm à disposição seis vídeos explicativos. Eles apresentam desde o significado e a importância da audiência de conciliação até as situações corriqueiras como ocorrências de acidentes de trânsito, ameaças e perturbações de sossego, por exemplo.

Dispositivo pode ser baixado sem cadastro | Foto Michael Gonçalves/ TJ

Além do aplicativo, a unidade criou um site (www.conciliaapp.com.br) e um blog (www.conciliaapp.com.br/blog), que estão disponíveis à população.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?