Depois de décadas poluída, a água da praia da Beira-Mar Norte voltou a ser própria para banho, de acordo com o último resultado do Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina. Para ganhar o selo de balneável, as últimas quatro análises semanais apresentaram, consecutivamente, um resultado de E.coli de até 800 por 100ml de água.

Os trabalhos de despoluição da Beira Mar Norte começaram na metade de 2018, com a previsão inicial de entrega no verão passado. Mesmo após o encerramento das edificações da estação de tratamento do esgoto pluvial, ainda são necessárias análises continuadas da água até que liberação total seja anunciada definitivamente.

Análise do IMA foi divulgada nesta terça-feira (10) | Foto Divulgação

O resultado anunciado pelo INA nesta terça-feira (10), porém foi comemorada pelo prefeito Gean Loureiro, que destaca ser apenas um primeiro grande passo.

“O resultado é histórico levando em conta toda a expectativa e promessas de despoluição que já ouvimos sobre a praia. Mas é necessário ainda cautela, pois estamos ajustando o sistema para ter uma estabilidade para o verão. Tudo está sendo feito com muito estudo técnico e cautela”, diz Gean Loureiro.

Receba as notícias do OCP no WhatsApp: