O adolescente de 15 anos apreendido após uma tentativa de homicídio ocorrida durante o fim de semana, em Jaraguá do Sul, aguarda por vaga em uma das unidades do Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) no Estado.

Nesta segunda-feira (24), ele estava em uma cela na Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) de Jaraguá do Sul. Segundo o delegado que fez o flagrante do caso, Luiz Carlos Gross, o pedido de internação foi pedido pela Promotoria da Infância e Juventude.

Gross explicou que o menor confessou a autoria do crime e disse durante o depoimento que foi o único a desferir as facadas que feriram Jeferson Xavier, de 19 anos, apesar de a vítima ter apontado que outro agressor participou do crime.

“O menor disse que houve um desentendimento entre eles. O cara veio para cima dele e ele acabou dando as facadas”, comenta o delegado. “Foi um flagrante e o inquérito sobre o crime já foi encerrado. Se houver mais alguma demanda por parte da promotoria, ela será feita pela DPCAMI, completa.

O crime

O crime ocorreu por volta das 19h20 da noite de sábado (22), na rua Amandus Rengel, ao lado da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Gertrudes Steilein Milbratz, no bairro Barra do Rio Cerro. Populares ouviram os gritos de socorro e chamaram os bombeiros voluntários. A Polícia Militar foi chamada pelos bombeiros que atenderam Xavier.

A vítima sofreu dois ferimentos feitos com arma branca. E contou ainda no local do fato que discutiu com dois homens no local do crime. Um deles desferiu uma facada na sua mão e o outro o esfaqueou na região do abdômen. Ele disse que fugiu após ter sido ferido e não sabia do paradeiro dos agressores.

A Polícia Militar realizou rondas pelas imediações da rua Pastor Albert Schneider para localizar os suspeitos do crime, mas ninguém foi localizado. Por volta das 21h, a Central Regional de Emergências da PM recebeu uma ligação.

A pessoa que fez a ligação comunicou o paradeiro do adolescente de 15 anos que deu a facada em Xavier. Ele foi detido e levado para a delegacia. Apesar da PM informar que a faca utilizada no crime foi encontrada, a Polícia Civil informou que não recebeu o objeto.

Xavier recebeu os primeiros socorros no local e foi levado para o pronto-socorro pelos bombeiros voluntários, em estado instável. Ele passou por cirurgia ainda no sábado e foi levado para um dos quartos do setor de internação.

Segundo a assessoria da unidade, Xavier se recuperava dos ferimentos nesta segunda e não tinha uma previsão de alta da unidade.

Quer receber as notícias no WhatsApp?