As estatísticas de morte por afogamento crescem na região.

Desta vez, a fatalidade foi registrada na Lagoa do Timbé, em Itapirubá Norte, em Imbituba.

Um adolescente, de 16 anos, se afogou enquanto nadava no local com um amigo, na tarde desta quinta-feira.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser deslocado, realizou a reanimação, mas a vítima, que chegou ao grau 6, o máximo do afogamento, não resistiu ao dar entrada no hospital.

Segundo caso

Esta foi a segunda morte por afogamento em água doce, e sem monitoramento de guarda-vidas, em quatro dias no Sul catarinense.

No último domingo, um jovem de 28 anos morreu afogado na Lagoa do Faxinal, em Balneário Rincão.