Acidentes complicaram a vida do motorista no início do feriadão da Sexta-feira Santa, nesta quinta-feira (29). Por volta das 13h, um acidente no quilômetro 58 da BR-101, em Joinville, provocou filas de 10 quilômetros, segundo a Autopista Litoral Sul. O Nissan Versa, com placa de Jaraguá do Sul, capotou, mas ninguém ficou ferido. O veículo foi retirado em 40 minutos, mas o grande movimento no sentido de Florianópolis causou um grande transtorno para os condutores. No fim da tarde, por volta das 17h, dois caminhões bateram no quilômetro 73 da BR-101. Uma fila de 10 quilômetros se formou no sentido Norte da rodovia. Até o fechamento desta edição, equipes da Autopista Litoral Sul trabalhavam no atendimento as vítimas e na remoção dos veículos da pista. No quilômetro 26, em Joinville, uma obra em uma ponte também causa lentidão no quilômetro 26, no sentido Norte. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, na BR-280, em Guaramirim, o trânsito é intenso e com pequenas retenções nos trevos de acesso à rua 28 de Agosto e à SC-108, no sentido de Massaranduba. Até o início da noite desta quinta, o tráfego estava sem retenções no trecho de Araquari e São Francisco do Sul. O movimento deve ser grande na manhã desta sexta-feira (29), nos trechos do Instituto Federal Catarinense, no trevo do Itinga e no acesso a Balneário Barra do Sul. A Polícia Militar Rodoviária informou que o trânsito era tranquilo na tarde desta quinta-feira na SC-108, em Guaramirim e Massaranduba. Um acidente foi registrado na serra entre Pomerode e Jaraguá do Sul, na SC-110. Um Chevrolet Corsa com placa de Witmarsum (SC) e um Fiat Uno registrado em Blumenau bateram por volta das 16h. Ao todo, cinco pessoas foram atendidas por bombeiros voluntários pomeranos e jaraguaenses. No Corsa, um passageiro estava com dor no abdômen e na cabeça. O motorista teve uma fratura no braço e foi levado para o Hospital São José, em Jaraguá do Sul. No Uno, dois homens não tiveram ferimentos, apenas dores no peito e no abdômen causados pelo impacto.