Uma imprudência registrada no final da tarde desta quarta-feira serve de alerta à população que mora ou transita nas proximidades da linha férrea: o abalroamento provocado por um carro Renault modelo Clio, em uma composição da Ferrovia Tereza Cristina (FTC), numa Passagem em Nível (PN), no bairro São Francisco, em Criciúma.

Segundo a FTC, o condutor não observou a aproximação da locomotiva, mesmo sendo uma PN com boa visibilidade e sinalizada de acordo com as normas legais vigentes.

Ainda conforme a FTC, o condutor ferroviário apitou e aplicou os freios, cumprindo todas as medidas de segurança exigidas, mas não conseguiu evitar a ocorrência ferroviária. A Segurança Patrimonial/operacional e a Polícia Militar atenderam a ocorrência, que gerou apenas danos materiais.

"A Passagem em Nível é equipada com a devida sinalização ferroviária permitindo aos condutores boa visibilidade das composições, o que torna a ocorrência ferroviária um ato imprudente do condutor rodoviário, por violar as leis do Código de Trânsito Brasileiro, art. 212, que diz ser infração gravíssima não parar o veículo antes de transpor a linha férrea", lembrou a FTC.