A Polícia Civil participa neste sábado (21) da programação do dia “D” para captação de familiares de pessoas desaparecidas. A ação é organizada pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) e faz parte do programa Conecta - Perícia conectando famílias, que conta com o apoio da Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas, do SOS Desaparecidos, do Grupo de Apoio aos Familiares de Desaparecidos (GAFAD) e do Ministério Público de Santa Catarina.

O ato acontecerá das 10h às 17h na cabeceira insular da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis.

A Polícia Civil terá a participação em esclarecimentos das famílias de pessoas desaparecidas sobre como funciona o cadastro dos familiares e a coleta de material biológico pelo IGP para confronto e futuro reconhecimento quando for o caso de eventual cadáver encontrado.

O programa Conecta tem como objetivo a captação de familiares de pessoas desaparecidas para coleta de material biológico e inserção dos seus perfis genéticos no Banco Estadual de Perfis Genéticos de Santa Catarina (BPG/SC), em paralelo à criação de um banco unificado contendo os dados biométricos, antropológicos e odontolegais dos desaparecidos.

Serviços

Durante o evento do Dia "D" serão oferecidos serviços como a coleta de materiais e dadas informações necessárias para a construção de imagem que possa representar a progressão de idade da pessoa desaparecida; entrevista antropológica; coleta de material biológico dos familiares para inclusão no banco de dados; cadastro de desaparecidos e rede de apoio aos familiares.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp