A 12ª RPM (Região de Polícia Militar) participou da Operação Parador 27.

Em Jaraguá do Sul, São Bento do Sul e outros seis municípios, foram realizadas ações para combater a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Foto: Fábio Junkes/OCP News

Ao todo, 18 boates foram fiscalizadas pelos policiais militares.

A operação idealizada pelo governo federal começou por volta da 21h de sexta-feira (21) e terminou por volta das 3h deste sábado (22).

Ao todo, 53 policiais militares e 19 viaturas foram enviados para realizar as ações de fiscalização em Jaraguá do Sul, São Bento do Sul, Guaramirim, Rio Negrinho, Schroeder, Massaranduba, Campo Alegre e Corupá.

Foto: Fábio Junkes/OCP News

O comandante da 12ª RPM, tenente-coronel Márcio Leandro Reisdorfer, destaca que policiais militares do 14º BPM (Batalhão de Polícia Militar) e 23º BPM, com sedes em Jaraguá do Sul e São Bento do Sul, respectivamente, participaram da operação.

Reisdorfer explica que não há relatos desse tipo de situação na região.

Mesmo assim, a 12ª RPM colocou o efetivo dos dois batalhões na operação.

Em Jaraguá do Sul, foram interditados três estabelecimentos por estarem abertos após às 23h, desrespeitando o decreto de combate a Covid-19.

Foto: Fábio Junkes/OCP News

Em uma das boates, os policiais militares aplicaram uma multa.

Foram cumpridos seis mandados de prisão e três pessoas foram presas em flagrante. Os PMs apreenderam 23 gramas de maconha e 0,7 grama de cocaína.

Os clientes e funcionários do local não estavam usando máscara de proteção facial, o que acaba aumentando as chances de contágio pelo novo coronavírus.

“Nos impressionou muito o número de pessoas frequentando esse tipo de local, principalmente no meio de uma pandemia e com os hospitais da nossa região lotados. Vamos ficar firmes nesta questão. Os estabelecimentos interditados serão novamente fiscalizados durante a semana. Se desrespeitarem novamente, vão responder a um termo circunstanciado conforme os procedimentos adotados pela Polícia Militar”, destaca o tenente-coronel.