A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu 12 pessoas em flagrante por pedofilia, na manhã nesta quinta-feira (17), em operação nacional chamada "Luz na infância". Um adolescente de 17 anos também foi apreendido por estar em posse de imagens de crianças.

Pelo menos 35, entre prisão, busca e apreensão, foram cumpridos em Garuva, São Bento do Sul, Jaraguá do Sul, Brusque, Blumenau, Balneário Camboriú, Camboriú , Itajaí, Tijucas, Lages, Florianópolis, São José, Palhoça, Jaguaruna e Criciúma. Foram apreendidos notebooks, HDs e celulares.

A operação faz parte de uma ação nacional de combate à pedofilia coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública (MESP), em parceria com as Polícias Civis do Distrito Federal e de 24 estados. Em SC, a operação foi coordenada pela Divisão de Repressão a Crimes na Internet.

Segundo o diretor da Deic, delegado Anselmo Cruz, as pessoas presas estavam em posse de imagens (fotos, vídeos e animações) com conteúdo identificado como pornografia infanto-juvenil, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Segundo a Polícia Civil, é considerado crime de pedofilia armazenar, produzir e disponibilizar material com conteúdo pornográfico envolvendo crianças. Quem tiver suspeita de alguém que possa estar cometendo esse tipo de crime, pode denunciar no 181, da Polícia Civil, ou pelo disque 100, da Rede Nacional de Combate à Pedofilia.