Todos os 22 bairros de Guaramirim receberam manutenção na iluminação pública no mês de junho. Ao todo, a Secretaria Municipal de Infraestrutura realizou 657 atendimentos, entre consertos, instalações de novos pontos e troca de lâmpadas.

Segundo o gerente de iluminação pública de Guaramirim Gelasio Fiamoncini, o município investiu R$ 26 mil em materiais, como lâmpadas, reatores, relés, bucal, fios, luminárias, braços, conectores, cintas, além da mão de obra para os consertos. Os trabalhos foram realizados por empresa contratada.

Fiamoncini relata que Guaramirim tem 5.553 pontos de iluminação cadastrados na Celesc. No último mês, foram instalados 39 novos pontos - 12 deles em frente a Faculdade Metropolitana de Guaramirim (Fameg).

"Estava muito escuro e perigoso para os alunos atravessarem a rodovia. Agora bem iluminado, pois colocamos lâmpadas de 400 watts", destaca Gelasio.

Pontos de iluminação em frente a Fameg receberam manutenção | Foto Eduardo Montecino/OCP News

O gerente comenta que já obteve a autorização do prefeito Luis Antonio Chiodini (PP), para dar continuidade na iluminação nesse trecho até o portal que divide as cidades de Jaraguá do Sul e Guaramirim.

Manutenção constante

De acordo com o gerente de iluminação pública de Guaramirim Gelasio Fiamoncini, a equipe da gerência está instalando em média 30 a 50 novos pontos de iluminação por mês, número que deve ser melhorado, segundo ele. Nos últimos meses o trabalho foi focado em realizar manutenções em pontos danificados e agora deve ser realizada a instalação de novas luminárias.

"A manutenção na iluminação pública nunca vai deixar de existir, sempre tem algo que precisa consertar. Com certeza a tendência é aumentar as instalações de mais pontos", planeja.

Um local que já está marcado para receber manutenção é a SC-108, no trecho da Rodovia do Arroz. De acordo com Fiamoncini, a rede elétrica da via está precária e a iluminação é de apenas 70 watts, que serão trocadas por lâmpadas de 400 watts, além da colocação de braços especiais de três metros.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito: 

WhatsApp  

Telegram  

Facebook Messenger