Um grande número de servidores públicos protesta em frente ao prédio da Assembleia Legislativa contra o projeto de Reforma da Previdência, que altera regras de aposentadorias e pensões em Santa Catarina.

No início da tarde houve tentativa de invasão ao Palácio Barriga Verde, sede do Parlamento catarinense, mas que acabou impedida por conta da ação da Polícia Militar, que usou spray de pimenta para dispersar os manifestantes.

Por volta das 15h o clima era de tranqüilidade na Praça Tancredo Neves, em frente à Alesc.