Vereadores de Jaraguá do Sul aprovaram por unanimidade na sessão desta terça-feira (13), a abertura de uma Comissão Processante para investigar denúncia de suposta cobrança de mensalinho na legislatura passada pelo vereador Arlindo Rincos (PSD). Saiba mais: Câmara deve investigar denúncia de que vereador Rincos cobrava mensalinho “Quero esperar o tempo certo”, diz vereador Rincos, a respeito de denúncia A denúncia partiu de um ex-assessor do parlamentar. Ele alega que era obrigado a entregar R$ 3 mil de seus vencimentos ao vereador. Em carta enviada ao presidente da Câmara, Pedro Garcia (PMDB), e ao radialista Sergio Peron, ele diz que a prática era comum e outros vereadores também a adotavam. O vereador Arlindo Rincos diz que vai esperar o momento certo para se manifestar. Ele não compareceu à sessão, pois se submeteu na tarde desta terça, a uma cirurgia oftalmológica e deve ficar de licença por 15 dias.