Em sessão realizada nesta terça-feira (3) na Câmara de Jaraguá do Sul, os vereadores aprovaram uma moção de apelo direcionada à Prefeitura para que doe ou ceda um terreno para a construção de uma sede para a Polícia Científica.

Atualmente, o órgão realiza suas atividades no prédio da 15ª Delegacia Regional de Polícia Civil, na Rua Emmerich Ruysan, no bairro Vila Nova, atendendo aos municípios do Vale do Itapocu.

A moção foi proposta pelo presidente da Câmara, Jair Pedri (PSD), e também leva as assinaturas dos vereadores Anderson Kassner (PP), Jeferson Cardozo (PL), Jonathan Reinke (Podemos), Luís Fernando Almeida (MDB), Nina Santin Camello (PP), Onésimo Sell (MDB), Osmair Luiz Gadotti (MDB), Rodrigo Livramento (Novo) e Sirley Maria Schappo (Novo).

No texto da matéria, Pedri destaca que existe uma separação dos trabalhos das forças policiais Militar, Civil e Científica, e que, por conta disso, cada instância precisa ter o seu espaço para desempenhar com excelência as suas atividades. Ele também lembra que a Polícia Científica necessita de cuidados especiais por conta da natureza do trabalho, que envolve a coleta de provas a serem utilizadas na solução dos crimes.

Perito apresentou trabalhos da Polícia Científica

Em abril, o perito regional Eduardo Linhares participou de uma sessão no Legislativo para apresentar os trabalhos da instituição e falar sobre as suas necessidades, em especial, a busca por uma nova sede.

Eduardo Linhares usou a tribuna da Câmara para relatar os trabalhos da Polícia Científica Foto: Tiago Rosário/CMJS

Os recursos para a construção, cerca de R$ 3 milhões, já foram liberados pelo Governo do Estado de Santa Catarina, mas o local ainda não foi definido.

Eduardo explicou que a intenção é que o novo prédio seja construído no bairro Vila Nova, para que a Polícia Científica fique próxima a outros órgãos essenciais nos procedimentos das investigações de crimes, como a Polícia Civil e o Ministério Público, oferecendo, assim, mais agilidade nos trabalhos.

Todavia, o Estado não tem imóvel disponível no bairro e, por isso, o pedido agora é para que a Prefeitura de Jaraguá do Sul ofereça esse espaço ao órgão.

A moção de apelo foi aprovada por unanimidade e enviada ao prefeito jaraguaense José Jair Franzner para conhecimento.

*Com informações da Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul