O vereador de Guaramirim, Matias Tonczak (DEM), conheceu na manhã desta terça-feira (25) como funciona o programa “Saco Verde” de Jaraguá do Sul. Implantado pela Prefeitura, por meio do setor de resíduos sólidos do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), o programa contribuiu para elevar para 27% o índice de reciclagem na cidade.

Tonczak conversou com a gerente de resíduos sólidos Morgana Decker e o diretor presidente do Samae, Ademir Izidoro.

Uma pesquisa independente, contratada pelo Samae, aponta que 92% dos moradores dizem ter o hábito de separar os resíduos em suas residências. Cerca de 120 famílias vivem diretamente da coleta, separação e comercialização de material reciclável, por meio de 12 cooperativas credenciadas junto ao Município.

Outro dado importante é quanto à distribuição do Saco Verde - que chegou a 2,4 milhões de unidades em 2020, média de 200 mil por mês.

“É impressionante saber que só neste ano vocês devem coletar mais de oito mil toneladas de material reciclável. Quero levar essa ideia para Guaramirim”, disse.

Tonczak, através de uma indicação, sugere adotar esse programa em Guaramirim. Técnicos do Samae devem ser convidados para explanar sobre o programa de resíduos sólidos, na Câmara de Vereadores.