O vereador Lino Peres (PT) protocolou na última terça-feira (17) um requerimento solicitando a lista dos maiores devedores em dívida ativa com a Prefeitura de Florianópolis, corrigida e atualizada até março deste ano. O mesmo pedido já havia sido feito em 2017, mas não houve resposta do Executivo. LEIA MAIS: Vídeo mostra bate boca entre vereadores O assunto voltou à pauta por causa do projeto de lei "Creche e Saúde Já" que prevê a abertura de vagas em creches e de uma unidade de saúde no Continente terceirizando os serviços por meio de Organizações Sociais. O PL desencadeou a greve dos servidores públicos e envolveu até o Ministério Público que recomendou a suspensão de uma propaganda do Executivo cujo teor pressionava a aprovação do PL na Câmara de Vereadores. "Em face de o novo prefeito assumir o cargo com o discurso de que sérios entraves à gestão da Prefeitura são originários de dificuldades financeiras que herdou, estimando um déficit orçamentário significativo", justificou o vereador no pedido. O documento alega que a dívida deve ser publicada para que as "as cobranças sejam agilizadas" e esta seja uma forma de suprir o déficit divulgado pela Prefeitura. Outros meios de fonte de arrecadação foram sugeridos nas discussões envolvendo sindicato e vereadores, além de sugestão de debate mais amplo do tema com integrantes da sociedade civil. Uma lista com mais de 700 devedores ativos foi divulgada em 2015. Pessoas físicas e jurídicas como bancos, comerciantes, empresas, empreendimentos imobiliários e figuras públicas apareceram na relação. A dívida, na época, ultrapassava R$ 1 bilhão. O requerimento que pede a divulgação da lista atualizada ainda precisa entrar na pauta do Legislativo e passar por votação no Plenário. Só então, o pedido poderá ser encaminhado oficialmente ao Executivo. A reportagem do OCP News entrou em contato com a Prefeitura para saber se existe um levantamento atualizado dos devedores. A Secretaria da Fazenda informou, por meio da assessoria de imprensa, que os dados estão sendo apurados e que devem ficar prontos nos próximos dias. LEIA MAIS Juiz indefere pedido de Mandado de Segurança de vereadores de Florianópolis MP recomenda suspensão de propaganda da prefeitura de Florianópolis Vídeo mostra bate boca entre vereadores na Câmara de Florianópolis Vereadores trocam acusações na Câmara de Florianópolis Projeto polêmico da Prefeitura pode ser aprovado nesta sexta-feira Servidores municipais entram em greve em Florianópolis Comcap adere à greve