O Governo do Estado de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), e a Província de Shanxi, na região central da China, assinaram, na tarde desta sexta-feira (4), um acordo de cooperação com foco nas áreas de esporte e turismo. O ato foi realizado na Assembleia Legislativa. A comitiva chinesa, composta pelo vice-governador da Província, Zhang Fuming, por secretários e deputados provinciais, foi recebida pelo diretor-geral da Assembleia, Carlos Alberto de Lima Souza. Já o acordo foi assinado pelo secretário da SOL, Tufi Michreff Neto, que representou o governador Eduardo Pinho Moreira, e pelo diretor-geral da Agência de Esportes da Província de Shanxi, Zhao Xiaochun. O objetivo do acordo é permitir intercâmbios entre os catarinenses e a província chinesa principalmente nas áreas esportivas e do turismo. O diretor da Comissão de Desenvolvimento de Turismo da Província de Shanxi, Sheng Dianqing, convidou o governo catarinense para participar de um evento sobre turismo que será realizado na China, em setembro, para expor o potencial turístico do estado. Nos últimos anos o país asiático se transformou na maior fonte de turistas do mundo. Na área do esporte, conforme Zhao Xiaochun, o objetivo é possibilitar parcerias nas modalidades como futebol e judô, em que o Brasil tem maior destaque, no tênis de mesa, cujo domínio nas competições mundiais é chinês. “Podemos fazer intercâmbios entre treinadores desses esportes”, sugeriu o diretor da Agência de Esportes. Para Tufi Michreff Neto, o próximo passo é pôr em prática os termos celebrados no acordo de cooperação. “Vamos colocar nossas equipes técnicas em contato com as equipes técnicas da província para avaliarmos que ações podemos desenvolver em conjunto para trazer benefícios para todos. Temos muito a apreender  e também algumas coisas para ensinar”, explicou o secretário da SOL. A Província de Shanxi é considerada uma das mais antigas da China, com mais de 5 mil anos de história. Situada na região central do país, tem 156 mil quilômetros quadrados de área e quase 37 milhões de habitantes. Tem como destaques a produção de carvão mineral, com a maior produção chinesa, a Muralha da China e o Rio Amarelo.