Trinta e cinco políticos com melhor desempenho no exercício do mandato, ao longo de deste ano na Câmara Federal e no Senado serão premiados na quarta-feira (27) pelo Ranking dos Políticos, em Brasília. Do total de parlamentares premiados pelo ranking, 30 fazem parte da renovação política e apenas cinco foram reeleitos.

De Santa Catarina, quatro deputados estão entre os melhores, sendo dois do PSL- Caroline de Toni e Coronel Armando, um do Novo - Gilson Marques e um do PSB - Rodrigo Coelho.

Já dos cinco senadores classificados, apenas um catarinense Jorginho Mello (PL) também entra no levantamento (confira o quadro abaixo).

O Ranking dos Políticos é uma plataforma digital que compara o desempenho dos parlamentares brasileiros, sendo mantido por entidade do terceiro setor e sem dinheiro público (www.politicos.org.br).

O portal classifica senadores e deputados do melhor para pior de acordo com os seguintes critérios: presença nas sessões, economia da cota parlamentar, ficha limpa e voto nas principais decisões do Congresso, como o aumento do Fundão Eleitoral, por exemplo.

O levantamento aponta que em 2015, a Câmara dos Deputados gastou pouco mais de R$ 178 milhões. Já em 2019 o valor ficou em R$ 141.647.050,94.

Comparado os gastos de 2015 em relação ao mesmo período de 2019, houve uma redução de 21%, totalizando uma economia aos cofres públicos de R$36 milhões.

Os parlamentares premiados pelo Ranking dos Políticos gastaram 47% a menos que o restante do congresso na legislatura atual. A média geral de gasto parlamentar é de R$ 272.463,39. Já os parlamentares melhores colocados no ranking possuem uma média de R$ 144.552,39.

O objetivo do site é ajudar a população a fiscalizar os políticos do Congresso Nacional, a partir da análise objetiva dos mandatos dos parlamentares. Todos os dados utilizados para as avaliações do Ranking são obtidos diretamente dos sites do Senado e da Câmara Federal.

Cada ponto ganho ou tirado está documentado, além disso, o Ranking conta com um Conselho de Avaliação de Leis, que leva em conta os critérios de combate à corrupção, aos privilégios e ao desperdício para determinar a “qualidade legislativa” do parlamentar.

Confira a lista dos parlamentares premiados:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger