Plenário | Bauer acredita que PSDB leva vantagem nas negociações

Plenário | Bauer acredita que PSDB leva vantagem nas negociações Plenário | Bauer acredita que PSDB leva vantagem nas negociações

Política

Por: Patricia Moraes

quinta-feira, 10:44 - 08/02/2018

Patricia Moraes
Enquanto o tabuleiro eleitoral de outubro ainda desconhece as peças que estarão em jogo, nos bastidores as articulações para o pleito estão a todo vapor. Um dos nomes que estão no aquecimento é do senador Paulo Bauer (PSDB). O tucano acredita que o cenário atual e o passado favorecem a sigla nas negociações de alianças tanto com o PP quanto com o PSD e o PMDB e, diz mais, se a configuração final apontar por chapa pura, o partido tem nomes qualificados para indicar também vice e senador. Ele cita Leonel Pavan, Napoleão Bernardes, Dalírio Beber, Clésio Salvaro, Marcos Vieira, entre outros. LEIA MAIS: Paulo Bauer diz que objetivo é disputa ao governo Além do bom relacionamento com as maiores forças da política catarinense, Bauer cita números para reforçar a tese de que o partido terá cabeça de chapa na briga pelo governo do Estado. São 105 mil filiados, 40 prefeitos, 36 vices, 350 vereadores, cinco deputados estaduais, dois deputados federais e dois senadores. O rescaldo da última eleição, quando fez mais de um milhão de sufrágios, atingindo quase 30% dos votos, e perdeu para Raimundo Colombo (PSD), é outro argumento utilizado pelo blumenauense criado em Jaraguá do Sul. “Por 1% não teve segundo turno, se tivesse tido, o resultado teria sido diferente. Não sei se ganharíamos, mas teria sido bem diferente”, acredita. O fato é que o jogo eleitoral está aberto e tanto para Bauer como para os outros nomes que se colocam pré-candidatos, Mauro Mariani (PMDB), Gelson Merísio (PSD) e Décio Lima (PT)– por enquanto Esperidião Amin, do PP, demonstrou estar disposto a ceder a vaga em uma composição com siglas de “afinidades ideológicas’ – as próximas semanas serão de muitas negociações. Dentro dos próprios partidos eles, alguns mais outros menos, enfrentam animosidades e concorrência. E ainda tem o fator “novo” tão aguardado na política nacional e também catarinense, que até agora não apareceu. ESPECTADOR ATENTO Quem acompanha as sessões da Câmara sabe que se tem eleitor que não perde uma plenária é Ademar Ruysam, de 75 anos. Filiado ao PP, o aposentado diz que passou a se interessar mais por política quando Dieter Janssen foi eleito e desde então bate cartão na Getúlio Vargas todas as terças e quintas-feiras. Além de incentivar a participação da comunidade, o pepista, que não perde uma edição do OCP, também gosta de dar sua opinião: “a oposição é cruel”, avalia.
Ademar Ruysam, de 75 anos | Foto Eduardo Montecino/OCP
FAZENDA: SECRETÁRIO REGIONAL DESCONHECE DESTINO  Dois dias após anunciar à coluna que o escritório da Secretaria da Fazenda em Jaraguá do Sul funcionaria até o dia 31 de março com estrutura reduzida e que somente depois disso seria definido pelo fechamento ou manutenção da unidade, o secretário da ADR (Agência de Desenvolvimento Regional), Leonel Floriani (PSD), não soube como explicar o fato de que ontem (7) não havia ninguém atuando no local. LEIA MAIS: Fazenda já funciona com estrutura mínima em Jaraguá do Sul Segundo ele, com as mudanças no governo do Estado, que será comandado pelo PMDB, uma nova definição será anunciada. “Nós fomos pegos de surpresa também era essa a orientação. Vamos tentar fazer com que esses profissionais continuem até março ou que a ADR possa receber e encaminhar a documentação a quem precisa”. O episódio revela falta de diálogo dentro do próprio governo e descaso total com a população, que até agora não tem uma posição oficial e definitiva. PRESIDENTES AMENIZAM MAL ESTAR  Para os presidentes do MDB e PP, os discursos feitos na tribuna por Jaime Negherbon e Jackson Ávila, ambos do MDB, com críticas ao presidente da Câmara Anderson Kassner (PP), não afetam a aliança entre as duas siglas. “Foi um caso isolado, mas é preciso ter consciência que todos devem atuar pelo fortalecimento do Poder Legislativo e da democracia. O presidente deve buscar o diálogo e decisões conjuntas, uma das suas missões é agregar”, diz Natália que já comandou a Casa em duas oportunidades. Para Ademir Izidoro, os ânimos se exaltaram por excesso de vontade política de realizar, mas o caso já está resolvido. “A unidade na base é importante e será mantida”. ENTREGA DO IPTU NA PRÓXIMA SEMANA  Prevista para esta semana, a entrega dos carnês do IPTU ficará para próxima semana. Segundo o secretário da Fazenda, Márcio Erdmann, a Prefeitura já recebeu o material da gráfica, mas um problema no sistema precisa ser resolvido para que seja aceito o pagamento através de qualquer banco. LEIA MAIS: Carnês de IPTU serão distribuídos na próxima semana em Jaraguá do Sul A expectativa é que a entrega comece na segunda-feira e no mesmo dia seja possível consultar a fatura pela internet. COSIP DOS BALDIOS  A cobrança da taxa de iluminação pública sobre os terrenos baldios, aprovada pela Câmara no ano passado, será feita juntamente com o IPTU. O cálculo leva em conta a metragem dos terrenos. Aproximadamente R$ 1 milhão foi lançado envolvendo cerca de sete mil imóveis. ALTA NOS EMPLACAMENTOS  A região acompanhou a melhora na venda de veículos registrada em Santa Catarina em janeiro. No mês, foram emplacadas 13,6 mil unidades no Estado, um aumento de 17,54%, - no Brasil chegou a 20% -, e na microrregião, subiu de 264 para 314 o número de veículos emplacados no período, alta de 17,60%. EM FOCO  - A plenária da Acijs e Apevi da próxima semana foi cancelada em função do Carnaval. O próximo encontro, no dia 19, será para assembleia de eleição da nova presidência. Ainda não há confirmação, mas a tendência é que Anselmo Ramos substitua Giuliano Donini na presidência da Associação Empresarial. - É nesta quinta-feira (8), às 20h, que o Partido Novo apresenta suas propostas em encontro aberto a interessados no Blue Chip. - Em Brasília, o prefeito de Guaramirim Luís Antônio Chiodini (PP) faz uma via-sacra atrás de recursos. Um dos objetivos é garantir emendas dos integrantes da bancada catarinense. O vereador Osni Bylaardt (MDB) acompanha o prefeito. - Proprietários de veículos emplacados em Santa Catarina irão pagar em média 2,47% a menos de IPVA este ano, resultado da desvalorização em relação a 2017, de acordo com a tabela Fipe. -  O relator da reforma da Previdência na Câmara, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), apresentou ontem o novo texto da reforma. A novidade dessa vez é a previsão de pensão integral para cônjuges de policiais mortos em serviço. - Temas em que não há consenso, como regras de transição para servidores e acúmulo de pensão e aposentadoria, só serão tratados durante a votação em plenário. O governo admite novas mudanças para conseguir os 308 votos necessários. - A ofensiva para aprovação da reforma, mesmo que não a ideal, já envolve os caciques dos principais partidos aliados. Deputados estão sendo lembrados que caberá ao comando das siglas a divisão do bolo do fundo eleitoral.
×