O vereador Anderson Kassner (PP) participou, na manhã desta terça-feira (12), da primeira reunião do Conselho Municipal da Cidade (Comcidade) em 2019. O objetivo era acompanhar os trabalhos que envolvem a implementação de um Plano de Arborização no município. O parlamentar lamentou o fato de que dificilmente o Plano saia do papel ainda neste ano.

Na reunião, Kassner tomou conhecimento de que o projeto que está pronto para ser enviado do Comcidade para a Câmara de Vereadores é apenas o Código de Arborização, que ainda não atenderá a todas as demandas dos munícipes. O Código se trata de um instrumento para a elaboração do Plano de Arborização, apenas o início do processo.

No documento, explica o vereador, está definido as árvores e espécies que não podem ser plantadas, mas não há nada sobre as que podem. Segundo ele, o Código ainda é muito superficial sobre vários pontos como a poda de árvores, a largura das calçadas, o tamanho das plantas e questões sobre os parques de lazer.

Além disso, o documento, que deve chegar ao Legislativo em breve, tira da Fujama (Fundação Jaraguaense do Meio Ambiente) questões referentes à preservação do meio ambiente e as direciona para a Secretaria de Planejamento e Urbanismo.

Kassner afirma que o município precisa de um Plano de Arborização completo para que a cidade fique mais bonita, com mais sombras e que amenize problemas como, por exemplo, a umidade e a poluição sonora. Ele sugere que os vereadores pressionem o Executivo para que esse Plano vire realidade o quanto antes.

*Com informações da Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?