Para educadores, dia da família atende melhor às novas configurações familiares presentes na comunidade escolar | Imagem Divulgação

Para educadores, dia da família atende melhor às novas configurações familiares presentes na comunidade escolar | Imagem Divulgação

Uma audiência pública agendada para logo mais, às 19h30 desta quarta-feira (11), deve movimentar a Câmara de Vereadores de Joinville. O encontro acontece no Plenário e deve reunir educadores, psicólogos, lideranças políticas, ativistas e religiosos em uma calorosa discussão.

Leia mais: Dias das mães e dos pais devem ser obrigatórios nas escolas? Discussão é na próxima quarta na Câmara

Na pauta, a polêmica levantada pelo vereador do PSC, Jaime Evaristo. Em maio, ele elaborou o Projeto de Lei 88/2018, que institui o dia das mães e dia dos pais ao calendário oficial do município. Na prática, a lei obriga as escolas municipais e centros de educação infantil a celebrarem o dia dos pais e das mães.

Hoje, devido as novas configurações familiares, muitos educadores e instituições optam em celebrar o dia da família para atender uma realidade maior da comunidade.

Quer receber as notícias no WhatsApp?