Apontado como uma das possíveis grandes novidades no cenário que começa a se desenhar com vista às eleições de 2018 no Estado, o apresentador, colunista do OCP e psicólogo Luiz Carlos Prates disse NÃO ao convite do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ) para lançar-se comocandidato ao Senado por Santa Catarina. Desde que a informação de que um convite havia sido feito veio a público, as redes sociais, em especial as da família e das empresas de Prates, foram inundadas de mensagens. A grande maioria dos internautas enaltecia a postura do polêmico articulista, que tem 57 anos de carreira no jornalismo e opiniões bem polêmicas. A decisão de não enveredar para a carreira política aos 74 anos foi divulgada pela assessora e filha de Prates, Sheila Maria Prates, em sua página do Facebook no início da tarde desta sexta-feira (10).  “O NÃO é uma palavra curta capaz de resolver muitos problemas cumpridos”, escreveu Sheila em uma das postagens. Ela havia destacado anteriormente que o pai estava 90% disposto a aceitar o convite por causa da identificação que tem com a postura do deputado Bolsonaro, mas optou pelo jornalismo. Ainda segundo ela, nos bastidores, durante estes dias que antecederam a decisão de Prates, chegou a ouvir de pessoas bem próximas da família declarações do tipo: “faz o Prates aceitar, já pensou ser filha de senador? Todos aqueles que odeiam teu pai teriam que te respeitar, sem contar na segurança do salário, oito anos garantidos”. Primeiro, respeito não se conquista com cargos, mas, sim, com caráter e competência, reflete Sheila, para complementar: “Pagamos um preço por isso, alto. Quando você escolhe ser coerente, agindo de acordo com o que prega, você incomoda muito. Para uns…alívio, para outros decepção e para muitos…a constatação de que o único comprometimento do jornalista é com a verdade – e sempre será. Agora Prates pode continuar batendo na mesa, cada vez mais forte…por um partido chamado Brasil.” Confira a mensagem postada na página de Sheila: “A guerra nem começou, mas nela estamos do lado de cá da trincheira, ao lado dos catarinenses.Luiz Carlos Prates não será candidato em 2018. As asas da liberdade que sempre ajudaram Luiz Carlos Prates a defender suas ideias de forma transparente e imparcial são grandes demais para caberem dentro de qualquer instituição fora do jornalismo.
Foi uma escolha difícil, mas optamos pelo que acreditamos ser o melhor para todos vocês. Nem o poder, a vaidade ou o interesse pessoal, sentimentos que levam muitos para a política, substituem a liberdade de poder comprar brigas nesta luta constante de querer ver a justiça aplicada com pulso forte. Luiz Carlos Prates é um justiceiro. E justiceiros são livres. Aos milhares de catarinenses que nos apoiaram até o dia desta decisão, saibam que foi por vocês, que nos adotaram neste estado, que optamos pela nossa liberdade de expressão. Santa Catarina, verás que um filho teu não foge à luta. Obrigada. Nunca iremos desapontá-los. Sheila Maria Prates ?” VEJA O QUE PENSAM OS INTERNAUTAS SOBRE A DECISÃO:  Leia também: Chance de candidatura de Luiz Carlos Prates é um dos assuntos mais comentados no Estado *Reportagem de Rosana Ritta