O governador do Estado Carlos Moisés (PSL) esteve na tarde desta sexta-feira (28) na região quando vistoriou as obras duplicação do trecho estadualizado da BR-280, entre Guaramirim e Jaraguá do Sul.

Na oportunidade, Moisés anunciou durante ato na Associação Empresarial de Guaramirim (Aciag) que o governo estadual vai abrir o processo de licitação para a construção de sete obras de arte especiais. Estas obras serão incorporadas aos trabalhos da duplicação do trecho estadual da rodovia com investimento previsto de R$ 57,4 milhões.

A esse valor se soma ao contrato vigente, que prevê R$ 96,3 milhões para a duplicação do trecho de aproximadamente 9 quilômetros e que garante o investimento pelo Estado de mais de R$ 150 milhões na obra.

"Esta obra da 280 é muito importante para a região e nosso critério de investimentos sempre foi baseado em ouvir prefeitos e lideranças e realizar investimentos que promovam o desenvolvimento regional”, comentou Moisés.

O governador informou também que a média mensal de investimento na rodovia é de mais de R$ 6 milhões.

Anúncio da licitação para a segunda etapa da obra da 280 foi feita pelo governador Moisés na Aciag | Foto:Divulgação/Secom

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, destacou que a duplicação do trecho estadualizado da BR-280 é a maior obra em andamento em Santa Catarina.

“Essa é uma obra, que faz parte da primeira etapa do Programa Novos Rumos, de investimentos que impactam no desenvolvimento regional. A BR-280 é um importante corredor logístico, e a duplicação vai melhorar a vida de muitas pessoas", destacou.

Segundo Vieira, agora o governo do Estado vai implementar a segunda etapa do Programa, que incluirá investimentos em projetos, como o trecho entre Massaranduba e Guaramirim. "A infraestrutura é uma prioridade dessa gestão e vamos honrar esse compromisso”, disse Vieira.

Duplicação é esperada há duas décadas

O deputado estadual Vicente Caropreso (PSDB) destacou que luta pela duplicação da BR-280 desde 1998, quando foi eleito para a Câmara dos Deputados pela primeira vez.

Segundo o parlamentar, é importante destacar que o governo do Estado tem feito esse investimento com recursos próprios.

"Trata-se de uma obra cara e complexa. Está sendo necessário transpor mais de 200 postes, por exemplo. Mas, apesar da complexidade, essa é uma obra que vai servir a nossa população, trazendo mais saúde, segurança e rapidez", comenta.

Caropreso também destacou o alto número de acidentes hoje na rodovia, que tendem a diminuir quando a duplicação estiver finalizada.

O deputado federal Fábio Schiochet (PSL) também que também esteve presente destacou que a luta pela BR-280 que lhe incentivou a entrar para a política. “Esse é uma obra não apenas para Guaramirim e Jaraguá, mas para todo o Vale do Itapocu”, disse o parlamentar.

Também participaram da visita a Guaramirim o deputado estadual Onir Mocellin (PSL), o presidente da Associação dos Municípios do Vale do Itapocu (Amvali) e prefeito de Corupá, João Gottardi (PSD) e os presidentes da Acijs Luís Hufenüssler Leigue, e da Aciag Gilberto Ronchi.

Classe empresarial comemora anúncio

O presidente da Acijs e do Centro Empresarial Luis Hufenüssler Leigue destacou que a retomada do projeto, em sua extensão de quase 9 quilômetros, representa um reconhecimento do governo estadual para a região.

"Este é um momento importante porque demonstra que as obras de fato avançaram bastante, tornando possível que essa antiga reivindicação seja finalmente viabilizada”, enfatiza Leigue.

O presidente da Aciag Gilberto Ronchi, disse que esse foi um momento muito importante para o município.

"Essas obras de artes, fazem parte de um grande projeto de duplicação do trecho estadual da BR-280 e estávamos com uma grande expectativa. Foi uma grande notícia de lançamento das licitações dessas obras", afirma.

Importância estratégica

A duplicação da BR-280 é considerada, desde o final da década de 1990, a obra federal mais importante para as lideranças no Norte-Nordeste Catarinense, região que congrega aproximadamente 40% do PIB de Santa Catarina e respondendo ativamente para o superávit da balança comercial do Estado.

O trecho liga o Norte-Nordeste ao Planalto Norte, sendo responsável pelo escoamento de safras agrícolas e produtos industrializados, principalmente para o porto de São Francisco do Sul.

As obras de duplicação do trecho federal da BR-280 foram contratadas num valor global de cerca de R$ 1 bilhão, em 2014, considerando os serviços em 74 quilômetros do trecho entre São Francisco e Jaraguá do Sul, divididos em três lotes.

Em 2010, a região deu início à mobilização pela estadualização do trecho Guaramirim-Jaraguá, com extensão de 9,5 quilômetros. Embora o pleito tenha sido atendido em 2015, somente em 2017 ocorreu a assinatura da ordem de serviço para a construção do elevado onde hoje há a rotatória de Guaramirim em direção a Massaranduba, primeira etapa da obra.

Em março de 2018, o Tribunal de Contas do Estado suspendeu o contrato e o governo do Estado confirmou que os serviços (que estavam na fase de terraplanagem) seriam interrompidos. Apesar do TCE ter revogado a suspensão, tornando possível a retomada da obra, os trabalhos não foram iniciados.

Em agosto de 2019, já no atual governo, em visita à Jaraguá do Sul o governador Carlos Moisés assinou durante reunião na Acijs a assinatura da ordem de serviços do trecho entre a interseção com a Rodovia do Arroz (SC-108), em Guaramirim, e a Ponte do Portal, em Jaraguá, com investimentos de R$ 103 milhões, o que se confirmou em novembro.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul