Ministro da Casa Civil chama Brasília de “ilha da fantasia”; políticos reagem

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Por: Pedro Leal

05/06/2023 - 08:06 - Atualizada em: 05/06/2023 - 08:39

Alvo de queixas de parlamentares, o ministro da Casa Civil, Rui Costa, deve, na avaliação de lideranças partidárias, enfrentar ainda mais dificuldades com o Congresso após as declarações dadas na última sexta-feira sobre Brasília.

Ao participar da inauguração de um hospital na cidade de Itaberaba (BA), Costa disse que a capital federal “é difícil porque fazer o certo, para muitos, está errado e fazer o errado, para muitos, é que é o certo na cabeça deles”. Ele também chamou a cidade de “ilha da fantasia”.

As informações são do jornal O Globo.

Líder do maior bloco partidário da Câmara, formado por União Brasil, PP, PSB, PDT, PSDB, Cidadania, Avante, Solidariedade e Patriota, o deputado Felipe Carreras (PE) classificou a declaração do ministro da Casa Civil de “infeliz num momento político sensível que o país vive”.

“As palavras do ministro são insinuações desrespeitosas à própria política, em tempos que ela tem que ser valorizada”, afirmou Carreras, que é filiado ao PSB, partido do vice-presidente Geraldo Alckmin.

Para o ministro da Casa Civil, a capital não deveria ter sido transferida para a cidade.

“Eu chamo aquilo de ilha da fantasia. Aquele negócio de colocar a capital longe da vida das pessoas, na minha opinião, fez muito mal ao Brasil” afirmou Costa, que ainda prosseguiu:.

“Era melhor ter ficado no Rio de Janeiro ou ter ido para São Paulo, Minas ou para a Bahia. Para que quem fosse entrar num prédio daquele ou na Câmara dos Deputados ou no Senado, passasse antes de chegar no seu local de trabalho, numa favela, debaixo de um viaduto, com gente pedindo comida, com gente desempregado porque ali as pessoas vivem numa ilha ilusória, numa bolha de fantasia”.

Governado do Distrito Federal, Ibaneis Rocha classificou as declarações de “infelizes” e disse que elas podem aumentar o clima de animosidade no país.

“É triste ver que alguns políticos não tem a menor noção do que Brasília representa para o Brasil. Declarações infelizes só servem para aumentar o clima de animosidade que devemos combater no país. O Brasil pede paz para que possamos trabalhar em benefício de todos”, postou no Twitter, sem citar o nome do ministro.