Senadores que integram a CPI da Pandemia avaliam a possibilidade de pedir a quebra de sigilo bancário do empresário catarinense Luciano Hang.

A informação é da colunista Bela Megale, do jornal O Globo.

Segundo a colunista, a intenção da CPI é investigar se Hang financiou sites e plataformas de engajamento para promover medicamentos como cloroquina e ivermectina.

O incentivo ao uso de remédios que não funcionam para tratar ou prevenir a Covid-19 estão entre os principais alvos da apuração da CPI.

A quebra de sigilo bancário é possível em uma CPI, caso fique comprovado interesse público e que não seja dada publicidade aos dados.

Mais cedo, em seu Instagram, o empresário criticou a Comissão: