O comando da candidatura do deputado federal Darci de Matos à prefeitura de Joinville entrou com ação na justiça pedindo a exclusão da página “Fritz Otário” do Facebook, sob a alegação de produção de fake news contra outros candidatos no município.

O juiz Gustavo Henrique Aracheski negou, em sua primeira decisão, a exclusão do material, mas determinou ao Facebook que Jean Carlos de Carvalho fosse identificado como autor da página.

Jean Carlos de Carvalho é filiado ao Partido Novo de Joinville desde 2018 e é marido da candidata a vereadora do Novo, Thatiana de Carvalho.

A página “Fritz Otário” está ativa desde 17 de junho de 2020 e, de acordo com a denúncia à Justiça, “é especializada em produção de fake news, conteúdos agressivos, sarcásticos e com acusações aos adversários políticos do candidato do Novo”. Além de Darci de Matos (PSD), o deputado estadual Fernando Krelling (MDB) é outro alvo da “Frizt Otário”.

O juiz Gustavo Henrique Aracheski analisa ainda mais um pedido de exclusão já que, segundo acusação “existe a possibilidade de ser constatado crime de denunciação caluniosa com finalidade eleitoral, pois haveria ligação direta do autor da página com um partido político”.

Procurado pela reportagem, Jean Carlos de Carvalho não foi localizado.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp