Faltando três meses para o primeiro turno das eleições municipais, em 2 de outubro, o cenário da disputa eleitoral em Jaraguá do Sul começa a se desenhar, ainda que as convenções partidárias – quando os partidos escolhem seus candidatos e deliberam sobre as coligações  –   estejam previstas para ocorrerem entre 20 de julho a 5 de agosto. O candidato natural na disputa é o prefeito Dieter Janssen (PP), que pode tentar a reeleição para mais quatro anos de mandato. Segundo o presidente da legenda, Ademir Izidoro, a sigla já deve começar a trabalhar no projeto de reeleição do mandatário. O PMDB, que compôs a chapa majoritária com Janssen, emplacando Jaime Negherbon como vice, dessa vez, pretende figurar como cabeça. O nome mais cotado da sigla no momento é o do empresário Antídio Lunelli. Na disputa eleitoral em 2012, Lunelli havia sido indicado como pré-candidato do PMDB para a cadeira de prefeito, porém, o partido fechou aliança com o PP e garantiu a entrada de Negherbon. O PSDB também aposta em nomes próprios do ninho para a cabeça de chapa. O ex-prefeito Irineu Pasold é cotado pela legenda na corrida eleitoral, ainda entre os bastidores. Apesar de PMDB, PP e PSDB possuírem pré-candidatos a prefeito, os três ensaiam formar uma coligação na majoritária. Na oposição ao atual governo municipal, o PSD lançou a pré-candidatura do vereador Jair Pedri, recém-chegado à legenda. Pedri foi o vereador mais votado em 2012, pelo PSDB, com mais de 4 mil votos. O PSD é era partido ex-prefeita Cecília Konell, antecessora de Janssen, que migrou para o PSB, juntamente com o esposo, o também ex-prefeito Ivo Konell. Ivo é a aposta do PSB para a Prefeitura de Jaraguá do Sul. Já o PSDC tem o radialista Junqueira Junior como o nome cotado para a cadeira de prefeito do município. Pelo PT, a pré-candidatura é do ex-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Jaraguá do Sul e Região (Sinsep), Luiz Carlos Ortiz Primo. Segundo afirma o presidente do partido, Marcel Salomon, o PT de Jaraguá do Sul vem mantendo conversações com as demais legendas, exceto DEM e PSDB, por questões históricas, já que nunca foram aliados no país e não possuem a mesma base ideológica. O partido também vem se preparando para, caso seja necessário, sair com chapa pura na majoritária. Quem são os possíveis candidatos? dieter janssen(pref Prefeito de Jaraguá do Sul - Dieter Janssen (PP) - 48 anos, natural de Jaraguá do Sul, empresário do ramo imobiliário, atuou na Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (Acijs) fundando e presidindo o Núcleo de Jovens Empreendedores da entidade, em 1999. Foi secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, presidente do PP de Jaraguá do Sul e suplente de deputado estadual, tendo assumido a vaga em 2011 e 2012. Foi vereador no período de 2005 a 2008.     antidio lunelli empresario lucio sassi (2)-2Antídio Lunelli (PMDB) – 53 anos, natural de Corupá, empresário, acionista e fundador do Grupo Lunelli, uma das empresas de maior destaque no segmento. Foi presidente do PMDB de Jaraguá do Sul de 2011 a 2015. É atuante na Associação Empresarial de Jaraguá do Sul. Nunca ocupou um cargo público. Deve estrear em eleições. Foi pré-candidato em 2012, mas desistiu de disputar as eleições.     2012_12_20 - ultima sessao na camara, posse do vice prefeito irineu pasold - fm (63)-2 Irineu Pasold (PSDB) – 71 anos, natural de Blumenau. Formado em Bioquímica, fundou o Laboratório de Análises Clínicas Pasold. Foi secretário da Saúde de 1993 a 1996. Em 1996 foi candidato a vice-prefeito, junto com Geraldo Werninghaus, sendo eleitos. Foi secretário municipal de Planejamento de 1997 a 1999, prefeito eleito para o mandato de 2001 a 2004, tendo ocupado o cargo em outras ocasiões. Foi vice-prefeito de 2009 a 2012, no mandato de Cecília Konell.     jair pedri(vereador psdb), jair - lucio sassi (4)-2Jair Pedri (PSD) – 45 anos, natural de Jaraguá do Sul, formado em Direito. Foi presidente da Companhia de Desenvolvimento de Jaraguá do Sul (Codejas) entre 2005 e 2006. Em 2007 a 2008 foi responsável pela diretoria de Habitação de Jaraguá do Sul. Em 2008 também concorreu como candidato a vereador, mas ficou de fora.       junqueira junior candidato dep estadual radialista lucio sassi (1)-2Junqueira Junior (PSDC) – 43 anos, natural de Campo Mourão (PR), radialista há 27 anos, sendo 20 deles em Jaraguá do Sul, onde reside desde 1996. Foi convidado pelo PR a concorrer como candidato a vereador, em 2012, sendo o primeiro vereador do PR mais votado, mas não conquistou a vaga por não atingir legenda. Foi presidente do PR em 2012, e disputou como candidato a deputado estadual, em 2014. Recebeu convite do PSDC estadual para se filiar à legenda.     2014_07_22 Ivo Konell - em (23)-2Ivo Konell (PSB) – 71 anos, natural de Jaraguá do Sul. Formado em Economia, Ciências Contábeis e Direito. Foi fundador do MDB de Jaraguá do Sul em 1970, partido que deu origem ao PMDB, do qual foi eleito presidente em 1984 e em 2001. Foi secretário municipal de Finanças, Saúde e Bem Estar Social, de 1983 a 1988. Foi prefeito de Jaraguá do Sul de 1989 a 1992, deputado estadual de 1995 a 1998 e de 1998 a 2002 e secretário de Administração e Fazenda de 2009 a 2012.     2012_03_16 luiz Carlos Ortiz Primo - mg (8)-2Luiz Carlos Ortiz Primo (PT) – 46 anos, natural de Curitibanos (SC). Formado em Letras, pós-graduado em Vigilância Sanitária, é servidor público há 21 anos, na Vigilância Sanitária. Foi presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Jaraguá do Sul e Região (Sinsep) de 2009 a 2013, e atualmente é presidente da Associação de Moradores do bairro Jaraguá Esquerdo. Filiado ao PT desde 1995, ano em que começou a militar no movimento sindical.     Principais datas do Calendário Eleitoral Julho • Dia 2 - Data a partir da qual é vedado a qualquer candidato comparecer a inaugurações de obras públicas. • Dia 4 - Último dia para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida que tenha solicitado transferência para seção eleitoral especial comunicar ao juiz eleitoral, por escrito, suas restrições e necessidades. • Dia 20 - Data a partir da qual é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador. Agosto • Dia 3 - Último dia para o eleitor que estiver fora do seu domicílio eleitoral requerer a segunda via do título eleitoral em qualquer cartório eleitoral. • Dia 15 - Último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem no cartório eleitoral competente, até as 19 horas, o requerimento de registro de candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador. • Dia 16 - Data a partir da qual será permitida a propaganda eleitoral. • Dia 23 - Último dia, observado o prazo de cinco dias contados da publicação do edital de candidaturas requeridas, para qualquer cidadão no gozo de seus direitos políticos dar ao juízo eleitoral notícia de inelegibilidade que recaia em candidato com pedido de registro apresentado pelo partido político ou coligação. •Dia 26 - Início do período da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão.