A virada do mês de agosto para setembro será decisiva para o cenário político municipal. É na próxima segunda-feira (31) que inicia o período das convenções partidárias para escolha dos candidatos e coligações que irão movimentar o pleito deste ano.

Os eventos, que devem ser feitos virtualmente por conta da pandemia, têm até o dia 16 de setembro para acontecerem. O prazo final para registro das candidaturas é dia 26 do mês que vem.

Por enquanto, quatro nomes foram confirmados como pré-candidatos a prefeito de Jaraguá do Sul. Dois deles concorrem ao cargo pela primeira vez: Leandro Schmöckel (Novo) e Leandro Mioto (PSL).

O atual prefeito Antídio Lunelli vai à reeleição pelo MDB. Também disputando um segundo mandado à frente do Poder Executivo Municipal está Ivo Konell (PRTB).

Outros partidos, como PSDB, PT e PSD ainda não divulgaram se terão representantes neste pleito municipal e isso pode ocorrer justamente durante as convenções.

O partido Republicanos confirmou que não terá nenhum candidato a administrador municipal, assim como o Podemos, que irá apoiar Lunelli na reeleição. O PP também não terá candidato a prefeito, mas está à disposição do MDB para lançar um nome a vice. Ademir Izidoro, presidente do partido, seria o indicado.

Já o PT avalia uma aliança com outro partido de esquerda para lançar um representante.

As alianças entre os partidos ainda estão sendo definidas, o que deixa algumas lacunas no quadro político deste ano, principalmente em relação aos candidatos a vice. Até o momento, apenas o partido Novo fez o anúncio de que Coronel Gonçalves irá acompanhar Schmöckel, com chapa pura.

A maioria das convenções não foi marcada. Por hora, somente PSL e Novo informaram as datas: 15 de setembro e 31 de agosto, respectivamente.

 

Confira os partidos com os pré-candidatos a prefeito por ordem alfabética:

MDB

O partido vai com atual prefeito Antídio Lunelli para a disputa da reeleição. Empresário do ramo têxtil e de comunicações, Lunelli foi eleito na primeira eleição que disputou com 44,73% para o mandado de 2017 a 2020, tendo como vice Udo Wagner (PP). Alguns nomes foram especulados para o cargo de vice de Lunelli, mas o MDB ainda não comunicou oficialmente quem será confirmado. PP e Podemos estão entre os cotados, mas também há a possibilidade de chapa pura para a candidatura.

Foto: Gabriel Vieira/PMJS/Divulgação

PRTB

Partido do atual vice-presidente do país, o PRTB busca ampliar a atuação nos municípios do Vale do Itapocu. Em Jaraguá do Sul, o pré-candidato a prefeito é Ivo Konell. Formado em direito, economia e ciências contábeis, Konell foi prefeito de 1989 a 1992. Por duas vezes, o político se elegeu deputado estadual. No pleito de 2016, ele ficou em segundo lugar na disputa para prefeito. O nome do candidato a vice também está sendo definido.

Foto Divulgação

PSL

Alavancado pela última eleição presidencial, o PSL será novidade no pleito municipal de Jaraguá do Sul. O pré-candidato escolhido, delegado Leandro Mioto, concorre pela primeira vez por um cargo político. Ele atua na região há pelo menos 10 anos e já assumiu a titularidade na Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) e comandou a Divisão de Furtos e Roubos. O partido está acertando os últimos detalhes para escolha do vice.

Foto Divulgação

Novo

O partido Novo é o mais adiantado para as eleições municipais até agora. Leandro Schmöckel, lançado para pré-candidato a prefeito, é empreendedor há 15 anos. Em 2018, disputou as eleições para deputado federal pelo Novo e ficou como primeiro suplente pelo estado catarinense. O vice, Coronel Gonçalves, assumiu em 2011 o comando do 14º Batalhão em Jaraguá do Sul e atualmente está na assessoria de gabinete do Comandante Geral da Polícia Militar de Santa Catarina.

Foto Arquivo OCP News

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul