O projeto de lei que confere o título de Capital Nacional da Moda Infantil para a cidade de Gaspar foi oficialmente protocolado na Câmara dos Deputados, em Brasília, nesta quarta-feira (7). Com isso, a proposta de autoria do deputado federal Rogério Peninha Mendonça (MDB) inicia a tramitação até se tornar lei.

Agora, a matéria aguarda despacho da Mesa Diretora para encaminhamento e análise pelas comissões permanentes. Se tiver caráter terminativo, o texto será enviado diretamente para o Senado, sem necessidade de passar por votação no plenário da Câmara.

Com o objetivo de impulsionar a economia local, a titulação é um pleito da Prefeitura de Gaspar, em parceira com a Associação Empresarial de Gaspar (Acig), Núcleo Têxtil, empresários e trabalhadores do setor.

Na cidade, a indústria têxtil emprega cerca de oito mil pessoas de forma direta e é responsável por quase 30% do PIB. Ao todo, são 870 empresas de confecção, 484 facções e 85 tinturarias, das quais 60% são voltadas para o setor infantil.

"Com a aprovação desse projeto, nós temos a expectativa de futuramente investir mais em mão de obra qualificada com uma oficina móvel de costura, também na promoção de cursos profissionalizantes, na elaboração de um selo de qualidade e em ações de turismo de compras, negócios e eventos”, garante o prefeito Kleber Wan-Dall (MDB).

Quer receber as notícias no WhatsApp?