Foto Reuters/Thomas Peter
Foto Reuters/Thomas Peter

Dados divulgados pelas autoridades de Saúde de Guaramirim, apontam que até o fim da semana passado, Guaramirim contava com 67 casos confirmados de coronavírus, registrados nos últimos três meses. Porém, em uma semana, esse número quase que dobrou no município, chegando nesta sexta-feira (26) em 127 casos confirmados de Covid-19, destes 69 estão recuperados.

Analisando os dados nas últimas cinco sextas-feiras, é possível verificar esse aumento. No dia 29 de maio, eram 39 casos. Na semana seguinte houve incremento de apenas cinco casos. No dia 12 de junho, foram 10 novos casos, fazendo o número saltar para 54. Na semana seguinte foram 13 confirmações e nos últimos sete dias, mais 60 casos confirmados (confira os quadros)

De acordo com a secretária de Saúde de Guaramirim Cheila Patrícia Rohweder, é nítido que a flexibilização com retorno de algumas atividades, o “relaxamento” de medidas de proteção e uma maior circulação de pessoas contribuíram para o aumento considerável do número de casos na cidade.

"Haja visto que o vírus é considerado de transmissão comunitária, não sendo possível identificar a origem da contaminação", completa a secretária.

Ela afirma que Guaramirim adquiriu estrategicamente, com recursos da Prefeitura, kits de teste rápido SARS- CoV-2, além dos kits recebidos do governo do Estado, com o objetivo de testar o maior número de pessoas conforme avaliação e critério médico.

O número de exames coletados também disparou nos últimos sete dias: passou de 392 no dia 19 de junho para 617 na última sexta-feira (26).

Um dado importante para o município é que poucos idosos, que fazem parte do grupo de risco, pegaram a doença. De acordo com levantamento dos 100 primeiros casos confirmados no município, apenas oito pessoas com idade acima dos 60 anos tiveram a confirmação de que estavam com Covid-19.

"É evidente que o número maior de casos positivos são de pessoas em idade laboral, pois com os decretos de medidas restritivas, idosos e crianças estão em isolamento social", comenta Cheila.

A faixa etária com maior número é de pessoas entre 20 e 29 anos, com 29 casos. Na sequência vem moradores de Guaramirim com 30 a 39 anos, com 24 casos. Em questão de gênero, os números estão bem equilibrados. Foram 51 mulheres contaminadas e 49 homens até a quarta-feira (24).

Coronavírus em Guaramirim

  • 617 - exames coletados
  • 468- descartados
  • 127 - confirmados (69 recuperados | 56 em isolamento domiciliar | 2 internados)
  • 22 - aguardando resultado do exame
  • 236 - pacientes em investigação e monitoramento (não possuem critério para coleta no momento)

Novas restrições

Com o aumento no número de casos em Guaramirim, a Prefeitura do município endureceu as medidas para o combate ao coronavírus.

Conforme o decreto 1254/2020, a partir de sexta-feira (26) está proibida a permanência e uso das praças e academias ao ar livre. Será permitida apenas a prática esportiva de corridas e caminhadas, desde que a pessoa esteja utilizando máscara e obedecendo ao distanciamento entre pessoas.

O decreto também traz o horário especial das 6 horas até as 23h30 para o atendimento e permanência de público em bares, lanchonetes e restaurantes.

De acordo com o prefeito Luis Antonio Chiodini (PP), as duas principais medidas tem o objetivo de evitar a propagação e o contágio da Covid-19 que vem registrando aumento no município.

"Peço a todos que estejam a frente dessa luta, que sejam fiscalizadores. Precisamos do apoio de todos, de toda a região. Que cada um faça a sua parte, para que a gente não precise tomar medidas ainda mais drásticas", afirma.

A Secretaria de Saúde de Guaramirim reforça o pedido para as pessoas ficarem em casa, lembrando que o uso da máscara é obrigatório em todo o município, seja para circular pelas ruas, entrar em estabelecimentos e dentro de condomínios.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul