O governador eleito de Santa Catarina, José Carlos Moisés, esteve nesta quarta-feira (14) em Brasília para uma série de reuniões com integrantes do PSL e com o presidente eleito Jair Bolsonaro. A principal bandeira do encontro foi buscar o fortalecimento da sigla e dar maior notoriedade e visibilidade a Santa Catarina, no futuro governo.

No CICB (Centro Internacional de Convenções de Brasília) o futuro governador de Santa Catarina se reuniu com outros governadores eleitos e o futuro presidente do Brasil. Um dos temas que nortearam o debate foi a necessidade de um novo pacto federativo.

O presidente do PSL/SC, Lucas Esmeraldino, acompanhou Moisés no encontro. Ele destacou que a bandeira do pacto federativo foi defendida desde a formação das executivas municipais.

“Temos que deixar mais dinheiro nos nossos municípios, na nossa Santa Catarina. Hoje vai em torno de 60% dos nossos impostos para Brasília e retorna menos que 20%. É preciso menos Brasília e mais Santa Catarina. O Governo Federal sendo eficiente em suas ações, que com toda certeza, será, os Estados ficarão menos sobrecarregados, sobrando mais para investir em educação, saúde, segurança e infraestrutura”, destaca o presidente do PSL/SC.

Carlos Moisés da Silva, aproveitou a oportunidade para entregar reivindicações ao futuro presidente que, posteriormente, serão compiladas em uma carta oficial e encaminhada ao futuro chefe da nação.

“Este documento aponta questões como a dívida pública, excesso de gastos com folha de pagamento, segurança e saúde, que já vínhamos pautando durante toda campanha e, também, agora no período inicial de transição, havendo necessidade principalmente, do enxugamento da máquina pública, dando mais retorno ao catarinense”, pontua.

Em seu discurso, Bolsonaro se comprometeu a analisar o conteúdo, que é uma série de pedidos para sanar as contas dos Estados e do Distrito Federal, dando enfoque para uma relação de confiabilidade entre Federação e Estados.

“Vocês são a mudança. Nós representamos a mudança. Vamos lutar e fazer a diferença”, enfatiza o Presidente da República eleito, Jair Bolsonaro.

*Com informações de assessoria de imprensa

Quer receber as notícias no WhatsApp?