O engenheiro Anselmo Ramos será empossado oficialmente novo presidente da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul nesta terça-feira (13), em substituição a Giuliano Donini, com mandato de um ano (2018-2019).
A solenidade de posse ocorrerá no Centro Empresarial, às 19h30, com a presença confirmada do governador em exercício Eduardo Pinho Moreira, e de lideranças políticas e empresariais de todo o Estado. Esta será a primeira visita oficial de Pinho Moreira à região após assumir o Governo do Estado em função de pedido de licença de Raimundo Colombo.
Informações sobre o evento pelo telefone (47) 3275-7059 e pelo e-mail eventos@acijs.com.br.
Empresário da área imobiliária, Anselmo Ramos já participa do movimento associativista desde a década de 1990, ocupando a partir de então funções em diretorias da Acijs e atuando em outros segmentos na comunidade. Na gestão que se encerra, foi vice-presidente da diretoria liderada por Giuliano Donini, que passa a integrar o conselho superior formado por ex-presidentes da entidade.
Além nova diretoria, tomam posse os novos coordenadores de Núcleos Setoriais, que reúnem os diversos setores econômicos que agregam os associados da entidade.
Segundo o novo presidente, a nova gestão pretende dar continuidade ao dinamismo que tem caracterizado a atuação empresarial à frente da entidade, que em junho completará 80 anos de fundação.
“A tônica desta diretoria que assume será a do debate, do diálogo, trazendo à discussão temas que pautam não o dia a dia da classe empresarial, mas também que dizem respeito a comunidade de maneira geral. Queremos manter o tom elevado na defesa do que é melhor para Jaraguá do Sul e região, e isto passa por contarmos com um ambiente que estimule o desenvolvimento econômico, porque sem isto não há ganhos sociais que favoreçam a sociedade como um todo”, afirma Ramos.
Posicionamento claro em defesa da representatividade
Deixando a função depois de dois anos à frente da entidade, o empresário Giuliano Donini avalia que a gestão alcançou os resultados desejados.
“Foi um período em que o país passou e ainda convive com turbulências na economia e na política, mas quando se analisa os ambientes e fóruns nos quais a entidade esteve presente o saldo é positivo. Mesmo que na defesa de alguns temas o posicionamento da entidade eventualmente possa ter gerado interpretações que não encontraram unanimidade, porque não nos cabe como entidade tal pretensão, a Acijs cumpriu seu papel de jamais se esquivar de debates”, afirma Donini.