O governador Carlos Moisés anunciou na coletiva desta segunda-feira (4), o nome do novo secretário de Saúde do Estado.

O responsável pelo cargo agora será André Ribeiro, que já atuava na pasta como secretário adjunto de Saúde.

Ele foi promovido após o pedido de demissão de Helton de Souza Zeferino, que se envolveu em uma polêmica compra de 200 respiradores, no valor de R$ 30 milhões, que ainda não chegaram ao Estado.

Moisés deu carta-branca para Ribeiro à frente da Secretaria, que agradeceu a confiança e garantiu que dará sequência ao trabalho que vinha sendo realizado em Santa Catarina, principalmente em relação ao combate do novo coronavírus.

Quem é André Ribeiro

Nascido na cidade de Cachoeira do Sul, André Motta Ribeiro se formou em medicina pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), no ano de 1990, e é pós-graduado em administração hospitalar pela PUC - São Camilo.

Em Santa Catarina desde novembro de 2004, iniciou as atividades na Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis, pela Unidade Básica de Saúde do Pântano do Sul, ocupando posteriormente cargos de médico regulador e gerente de urgências da Capital, sendo responsável pelas UPAs e USBs do Samu.

Também exerceu o cargo de diretor técnico da Secretaria Municipal de Saúde de São José, em 2008.

Motta ainda foi regulador estadual de leitos e UTI e, nos últimos sete anos, médico de emergência e preceptor na Clínica Médica do Hospital Governador Celso Ramos.

Em julho de 2017, assumiu a Coordenação Estadual do Samu, onde permaneceu até o final de 2018, quando recebeu o convite para ser secretário adjunto.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul