Escola da Alesc: Programa Vereador Mirim debate impactos do vício em tecnologia entre crianças e adolescentes

Foto: Divulgação/Agência AL

Por: Elisângela Pezzutti

15/07/2023 - 08:07 - Atualizada em: 15/07/2023 - 08:45

A prevenção e o enfrentamento à dependência tecnológica e como esse tipo de vício tem afetado, especialmente as crianças e adolescentes, é o tema central definido este ano pela Escola da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) para permear os debates nas conferências regionais de vereadores mirins.

Na última semana, os debates regionais foram realizados em Massaranduba e em Balneário Camboriú, reunindo 200 alunos, entre nove e 14 anos, do ensino fundamental das regiões da Amfri e Avevi, todos eleitos em suas escolas para exercerem mandato de vereador mirim. Outras sete conferências regionais estão programadas para os meses de agosto e setembro, nas regiões da Grande Florianópolis, Extremo Oeste, Noroeste, Meio Oeste, Planalto Norte, Sul e Vale do Itajaí. A pauta dos encontros prevê também palestras e oficinas sobre democracia, cidadania, oratória e o papel dos vereadores.

A intenção da coordenadora da Escola da Alesc, Marlene Fengler, em instigar o debate sobre a questão vem desde quando, como deputada estadual, propôs em 2019 um projeto que deu origem à Lei 17.785 instituindo a semana estadual de conscientização, orientação, prevenção e combate à dependência tecnológica.

Na época, Marlene lembrava que uma pesquisa feita naquele ano pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil dava uma ideia da popularidade das plataformas online entre os jovens do país. O levantamento indicava que 89% da população de nove a 17 anos estava conectada, representando 24,3 milhões de crianças e adolescentes. Desses, 95% (ou 23 milhões) usavam o celular como o principal dispositivo para acessar sites e aplicativos. “Tudo em excesso faz mal e isso vale também para o uso da tecnologia, imprescindível no dia a dia, mas que pode trazer severos prejuízos físicos e mentais se for usada com descontrole”, observa.

Após a realização das nove conferências, a Escola da Alesc promoverá o Encontro Estadual de Vereadores Mirins, que deverá reunir no Centrosul, em Florianópolis, mil vereadores mirins de 97 Câmaras Mirins de todo o estado. O evento está programado para 31 de outubro de 2023, e contará com a participação do pós-doutor em Psicologia Clínica e PhD em Psicologia Clínica de Dependências Tecnológicas, Cristiano Nabuco, especialista em dependência tecnológica e nomofobia, que falará sobre o uso de redes sociais e seus impactos na saúde dos jovens.

Nabuco desenvolve estudos e coordena diversas iniciativas sobre o tema e sua experiência o levou a prestar consultoria à novela Travessia, da Rede Globo, na qual o profissional fez uma participação especial ao interpretar ele mesmo como psicólogo de um dos personagens para mostrar ao público como é o vício em computador, internet e tecnologias em geral.

“Queremos chamar a atenção para um grave problema que está afetando as crianças e adolescentes e nem sempre as famílias estão conseguindo lidar, que é o vício em celular e computador”, diz Marlene, ao observar que “diferentemente de outros tipos de vícios, nesse caso não tem como retroceder e tirar a tecnologia do dia a dia das crianças”.

Fonte: Agência AL

Notícias no celular

Whatsapp