Se a classe feminina na política ainda não é representada como deveria, este pleito já demonstra um pequeno avanço, principalmente em Lauro Müller e Urussanga.

Os dois municípios do Sul catarinense têm, em chapa pura pelo MDB, duas candidatas, com suas respectivas vices, à Majoritária.

Em Urussanga tem a Stela Maris de Gostin Talamini e a vice Vanir Zuleima Mazzuco Cacciatori, a Vani Cacciatori (MDB).

Elas estão na disputa ao cargo com o atual gestor, Luiz Gustavo Cancellier (PP) e o vice Nandi (PSD) e Marcos Roberto Silveira, o Marquinhos (PSDB) e o vice Rafael de Pieri Sandrini (PSDB).

Lauro Müller

Em Lauro Müller, a chapa pura feminina é composta pela candidata à prefeita, Saionara Correa de Carvalho Bora (Dra. Saionara) e a vice Soraya Cúrcio Librelato.

Elas concorrem com o atual vice-prefeito, candidato à Prefeitura, Pedro Barp Rodrigues (PSL) e o vice José Amarildo Avelino (PSL), e o atual prefeito Valdir Fontanella (PP) e o vice Manoel Jades Izidorio, o Maneca (PDT).

Representatividade

A representatividade é comemorada pela deputada estadual do partido e coordenadora da bancada feminina da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), Ada de Luca, que tem como bandeira histórica a participação feminina na política.

“Lutar em defesa da mulher na política não é uma promessa de campanha, é a luta de uma vida”, disse Ada.

Outras candidatas

Também estão na disputa à prefeitura, em Criciúma, Júlia Zanatta (PL); em Içara, a Dalvania Cardoso (PP) e em Cocal do Sul a Cirlene Gonçalves Scarlato, a Aninha (PP), que é a atual vice.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul