O até então candidato sob judice a prefeito de Criciúma pelo PSTU, Professor Ederson, com candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral no mês passado, a qual alegou falta de documentos, teve seu recurso acatado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC).

Com a decisão, assinada nessa segunda-feira, ele tem então a candidatura ao cargo de chefe do Executivo da maior cidade do Sul do Estado deferida.

Confira a íntegra da decisão


 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp