No dia 15 de novembro 146.371 eleitores criciumenses deverão ir as urnas escolher seus representantes na Prefeitura e Câmara Municipal em turno único das eleições. No município, somente um turno é realizado, já conforme a Constituição brasileira, o segundo turno poderá ocorrer apenas nas eleições para presidente e vice-presidente da República, governadores e vice-governadores dos estados e do Distrito Federal e para prefeitos e vice-prefeitos de municípios com mais de 200 mil eleitores.

Segundo estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Criciúma tem 4.704 eleitores a mais que os aptos a votar na última eleição municipal, em 2016. Em Santa Catarina são 5,2 milhões de eleitores. O número é 4,4% maior do que o registrado pela Justiça Eleitoral há quatro anos.

Mulheres são a maioria

A maioria dos munícipes aptos a votar em Criciúma são mulheres. Dos 146.371 votantes, 77.342 são mulheres. A média de idade destas mulheres varia bastante, mas a sua grande maioria tem entre 45 e 59 anos, somando 20.058. São ainda 15.729 mulheres com idade entre 25 e 34 anos e 15.425 entre 35 e 44 anos. Há ainda 8.301 eleitoras entre 16 e 24 anos e 17.833 com 60 anos ou mais.

Mulheres são maioria do eleitorado criciumense

Já os homens somam 69.029 eleitores. Destes, 17.428 tem entre 45 e 59 anos, sendo a maioria do eleitorado masculino. Com idade entre 16 e 24 anos existem 8.169 eleitores aptos ao voto. São ainda 27.776 com idade entre 25 e 44 anos e 13.656 com 60 anos ou mais.

Eleitores com idade entre 25 e 59 anos somam maioria

Maioria dos votantes tem ensino fundamental incompleto

No que diz respeito ao grau de escolaridade, os dados do TSE revelam que 25,11% dos criciumenses têm ensino médio incompleto, formando maioria do eleitorado com 36.762 eleitores. Com ensino médio completo são 29.240 eleitores. Há ainda 17.138 eleitores com ensino superior completo e outros 10.174 eleitores sem completarem a etapa.

Os dados ainda mostram que uma porcentagem de 0,87% da população criciumense apta a votar é considerada analfabeta e outros 2,37% lêem e escrevem mesmo sem formação escolar.

Boa parte dos votantes em Criciúma não completou o ensino fundamental

Os dados sobre os eleitores de Criciúma e demais municípios no país podem ser consultados através no portal do Tribunal Superior Eleitoral.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp