Neste domingo (28), os eleitores catarinenses voltam às urnas para o segundo turno das eleições, que irá decidir o próximo governador de Santa Catarina e o presidente do Brasil.

Para poder votar, o eleitor deve apresentar um documento de identificação oficial, com foto. Entre os documentos válidos estão a carteira de identidade (RG), passaporte, carteira de trabalho, carteira de habilitação (CNH) ou também o certificado de reservista. Certidão de nascimento e de casamento não são válidos como prova de identidade na hora de votar.

O eleitor que fez a biometria, pode baixar o e-Título, aplicativo da Justiça Eleitoral, que é o único meio de substituir o documento com foto. Em Jaraguá do Sul e Corupá, por exemplo, a biometria foi obrigatória, junto com a revisão do eleitorado.

A apresentação da versão impressa do título de eleitor é recomendada, porque facilita a consulta do local e seção de votação. Os locais de votação neste segundo turno permanecem os mesmo locais do primeiro.

Caso ainda haja dúvida, o eleitor pode acessar o site do Tribunal, na aba Título e Local de Votação, usar o aplicativo e-título ou ligar para o Disque-Eleitor, no 0800 647 3888.

Quer receber as notícias no WhatsApp?