Enquanto o governo federal busca incluir os Correios na lista de empresas a serem privatizadas, no Congresso Nacional tramita um projeto de lei, proposto pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que prevê o fim do monopólio no transporte e entrega de cartas.

Faturas de cartão de crédito, contas de luz e outra série de papéis precisam chegar a todos os municípios do país.

Na visão do parlamentar, os Correios seriam uma empresa politizada, com o carteiro se tornando "moeda de troca no Congresso".

A intenção do projeto de Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL), seria de criar concorrência no setor e melhorar a prestação do serviço.

A proposta está tramitando atualmente na Comissão de Desenvolvimento Econômico da Câmara.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger