A prefeita de Içara, Dalvania Cardoso, que ocupa a vice-presidência da AMREC, presidiu nesta quinta-feira (8) a reunião de prefeitos da AMREC. É a primeira vez na história da associação que uma mulher preside uma assembleia geral de prefeitos.

O presidente da AMREC e prefeito de Orleans, Jorge Koch, não participou da reunião porque cumpriu agenda em Florianópolis, onde teve encontro com a Daniela Reinehr, organizado pela Federação Catarinense de Municípios (FECAM).

Aeromédico

Na pauta foi feito apresentação da prestação de conta do Serviço Aeromédico (Sarasul), que completou três meses, no último dia 21 de março. O presidente da Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (AMESC) e prefeito de São João do Sul, Moacir Francisco Teixeira, participou da reunião, junto ao Gerente Executivo, Heriberto Schmidt.

A apresentação foi realizada pelo coordenador médico da OZZ, José Nixon Batista, representando a empresa contratada para realizar a parte médica do serviço. Até o momento 63 atendimentos foram realizados, sendo 22 na região da AMESC (Araranguá), 21 na região da AMUREL (Tubarão) e mais 19 na AMREC. Hoje 11 médicos trabalham no serviço.

A aeronave é utilizada pelos dois serviços: o Sarasul e o pelo Serviço Aeropolicial (Saer). A aeronave, que é da Polícia Civil, é utilizada pela OZZ, para operação do Sarasul. A OZZ hoje recebe um valor mensal pago pelos municípios da AMREC, por meio do Consórcio Intermunicipal Multifinalitario da AMREC (CIM-AMREC).

O médico José Nixon, ainda deu exemplo de uma gestante atendida em Araranguá, e que precisou de UTI Neonatal. “No momento do atendimento a serra estava fechada e precisou ser transferida para UTI em Lages. Aquela vida foi salva pelo serviço”, disse médico.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp