A prefeitura de Criciúma assinou na manhã desta terça-feira (13), em solenidade realizada no Parque dos Imigrantes, no distrito do Rio Maina, o contrato para a instalação de placas solares na Fazenda Solar Nikola Tesla. A iniciativa faz parte do Programa Criciúma Sustentável, que destina quase R$ 40 milhões para projetos voltados ao desenvolvimento consciente e tecnológico do município.

O local terá capacidade para geração de 1 MW de energia limpa por meio de painéis fotovoltaicos responsáveis pela conversão de energia solar. Desta forma, a estrutura abastecerá as 63 escolas municipais de Criciúma. “Aqui, nesta área, que era um depósito de rejeito de carvão mineral, construímos o Parque dos Imigrantes e, agora, estamos construindo a Fazenda Solar Nikola Tesla, que vai gerar energia para todas as escolas do município. Seguimos investindo para uma cidade cada vez melhor, mais consciente e tecnológica”, explica o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

“Também teremos, aqui, o Memorial Nikola Tesla, ou a casa do ‘Tio Nico’, com caráter pedagógico. É a riqueza que saiu das profundezas desse solo para gerar energia. Agora, vamos aproveitar o calor do sol e transformá-lo em energia, em uma área que era totalmente degradada”, complementa Salvaro.

Serão 2,2 mil módulos com potência nominal mínima de 550 W, representando um investimento de R$ 3,5 milhões. “A estrutura foi desenvolvida em parceria com a Unesc e contará, ainda, com área para eventos e uma plantação de girassóis”, conta o secretário municipal de Governança, Tiago Pavan. “Com o programa, Criciúma vai utilizar a alta tecnologia e se tornar referência em cidades inteligentes”, completa.

Sobre o Programa Criciúma Sustentável

O Programa Criciúma Sustentável foi lançado em dezembro de 2023 com o objetivo de tornar a cidade mais consciente e tecnológica por meio de investimentos.

1 - Aquisição e instalação de iluminação pública de LED:

O Projeto Luminotécnico prevê a substituição de lâmpadas a vapor de sódio por lâmpadas de LED em todos os 35 mil pontos da rede de iluminação pública, e garantirá uma economia de 40% com o custo de energia no município de Criciúma. A redução contribuirá para uma cidade mais sustentável proporcionando economia e fortalecendo o compromisso com a eficiência energética. O investimento total é de R$ 19,7 milhões.

2 - Construção da Fazenda Solar Nikola Tesla:

A Fazenda Solar Nikola Tesla está sendo construída ao lado do Parque dos Imigrantes, um símbolo da recuperação ambiental de Criciúma, localizado no distrito do Rio Maina. O projeto, realizado em parceria com a Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), terá capacidade para geração de 1 MW de energia limpa, suficiente para abastecer todas as 63 escolas da rede municipal de ensino de Criciúma. O local contará, ainda, com um auditório para eventos, palestras e uma plantação de girassóis. O investimento inicial para a execução da obra é de R$ 7,1 milhões.

3 - Aquisição de veículos elétricos:

O projeto prevê a substituição de 100 veículos a combustão da frota municipal, composta por aproximadamente 300 automóveis, por carros elétricos com motores movidos a energia de baterias recarregáveis. O investimento total é de aproximadamente R$ 12,6 milhões.