O deputado federal Hélio Costa defende que a CPI da Pandemia investigue estados e municípios, para apurar possíveis crimes de corrupção.

Costa subscreveu o requerimento de criação da Frente Parlamentar Mista para apurar se houve desvios nas esferas estadual e municipal.

“Lá atrás, quando o nome "Covidão" surgiu, fazendo referência ao Mensalão, parecia brincadeira, mas já era o anúncio de um novo escândalo de corrupção que logo será investigado. Cadê os hospitais, equipamentos, melhoramentos na saúde? Cadê o dinheiro para tratar quem sofre com a Covid-19? É o que descobriremos no decorrer dos próximos meses, na CPI e Frente Parlamentar que investigará prefeitos e governadores", destacou.

O deputado afirmou ainda que uma grande quantidade de recursos foi enviada para os cofres das prefeituras.

“Desde 1991 nunca houve tanto dinheiro sobrando nas mãos dos prefeitos, é recorde histórico e fruto do trabalho do Governo Federal para conter a crise da Covid-19. E tem lugar que o dinheiro "sumiu". Por todos os lados, suspeitas e evidências de compras superfaturadas usando dinheiro destinado para enfrentar a pandemia”, finalizou.